RS: FURG ‘esquece’ cotistas e precisa republicar listão

A Universidade Federal do Rio Grande (Furg), do Rio Grande do Sul, publicou na última segunda-feira a lista dos aprovados no processo seletivo de 2012 sem considerar as vagas reservadas aos cotistas. Na terça-feira, uma nova relação de aprovados e suplentes foi divulgada, com o resultado correto do vestibular.

A Furg informou, por meio de nota, que a retificação precisou ser feita porque na primeira lista foram desconsideradas as vagas destinadas aos cotistas, o que aprovou candidatos na primeira lista e os excluiu da segunda. Segundo a nota, “a publicação de uma nova lista de convocação para a chamada nominal presencial teve por objetivo atender à Política Institucional estabelecida no Programa de Ações Inclusivas (PROAI)”. A instituição disse também que reconhece os transtornos causados e lamenta o fato ocorrido.

O PROAI consiste em um sistema de bonificação da Furg para os candidatos autodeclarados negros ou pardos que tenham cursado pelo menos dois anos do ensino fundamental e todo o ensino médio em escolas da rede públicas; para os candidatos com deficiência; e para aqueles que tenham cursado pelo menos dois anos do ensino fundamental e todo o ensino médio em escolas da rede públicas.

 

 

 

Fonte: Terra

+ sobre o tema

Polícia identifica suspeito de ataques racistas contra Maria Júlia Coutinho

Zé Paulo Cardeal / TV Globo/Divulgação A polícia identificou um...

Dona de casa é vítima de racismo em ônibus do Transcol

Uma dona de casa foi vítima de racismo...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais...

para lembrar

Datafolha e Abolição: Por que rejeição a Bolsonaro é maior entre os pretos

Os números são atuais, mas se conectam a um...

Quando Brooks e Hooks encontram Balduíno, por Eliana Alves Cruz

O titulo deste texto pode parecer uma loucura, pois...

Michelle Obama sobre suspensão do direito ao aborto nos EUA: ‘Coração partido’

Diferentes personalides, dos Estados Unidos e do mundo, reagiram...

Shoppings mudam estratégia e tentam atrair adeptos do rolezinho

Por Wanderley Preite Sobrinho Associação de shoppings planeja evento cultural...
spot_imgspot_img

Como o diabo gosta

Um retrocesso civilizatório, uma violência contra as mulheres e uma demonstração explícita do perigo que é misturar política com fundamentalismo religioso. O projeto de lei...

Homens, o tema do aborto também é nossa responsabilidade: precisamos agir

Nesta semana, a escritora Juliana Monteiro postou em suas redes sociais um trecho de uma conversa com um homem sobre o aborto. Reproduzo aqui: - Se liberar o...

A falácia da proteção à vida

A existência de uma lei não é condição suficiente para garantir um direito à população. O respaldo legal é, muitas vezes, o primeiro passo...
-+=