I Seminário Nacional sobre os impactos do Racismo na Ciência e na Saúde

É inegável o crescimento de políticas públicas e de promoção da igualdade racial ocorrido no Brasil, na última década. No entanto, a discussão acadêmica sobre o tema tem se concentrado nas ciências sociais e humanas. No campo das ciências da saúde, a produção do conhecimento que leva em conta os impactos do racismo ainda é tímida, mas urgente e necessária. Buscando contribuir para a modificação deste panorama, a Fiocruz Pernambuco promove, no dia 27 de novembro de 2014, o “I Seminário Nacional sobre os Impactos do Racismo na Ciência e na Saúde – o que temos a ver com isso?” para estimular o diálogo entre estudiosos da temática e pesquisadores, estudantes e profissionais do campo da ciência da saúde.

Para preencher a ficha de solicitação de inscrição, clique aqui.

Interessados que não se enquadrarem no público alvo podem preencher a ficha de solicitação de inscrição, mas só terão a participação garantida caso haja disponibilidade de vaga.

Posteriormente, será divulgada a lista com os nomes das pessoas selecionadas.

  

PROGRAMAÇÃO 

9h – Abertura

 

Palestra – Racismo institucional

Mônica Oliveira – Assessora da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República.

 

9h40 – Mesa: O impacto do racismo nas Ciências da Saúde

A neutralidade ideológica da Ciência 

Uã Flor do Nascimento –  Professor de Filosofia da universidade de Brasília (UNB) e especialista em Bioética.

 

Biologização da raça e suas implicações no campo da saúde

Ana Cláudia Rodrigues – Antropóloga, doutoranda em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

 

11h30 – Debate

12h30 – Almoço

 

14h – Mesa: O impacto do racismo na Saúde da população brasileira

De que forma o racismo impacta na saúde das pessoas? 

Fernanda Lopes – Representante auxiliar do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA)

 

Políticas de Saúde para a População Negra (Brasil) 

Rui Silva – Coordenador Geral de Apoio à Educação Popular e Mobilização Social do Departamento de Apoio a Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde.

 

16h – Debate

+ sobre o tema

Baixa cobertura vacinal contra HPV favorece casos de câncer

Sete em cada dez casos de câncer de colo...

Alcance e capacitação profissional são desafios do SUS para tratamento de autismo

Na sala de estimulação sensorial, equipada com piscina de...

Saúde e iniqüidades raciais no Brasil: o caso da população negra

Por: Isabel C.F. da Cruz* O Núcleo de Estudos sobre Saúde...

Mortalidade materna cai 43% no Brasil entre 1990 e 2013, diz OMS

O Brasil registrou uma queda de 43% na proporção...

para lembrar

Enquanto houver racismo marcharemos pela saúde de todas, é pela vida das Mulheres Negras

27 de outubro é o Dia de Mobilização Nacional...

Racismo institucional e saúde da população negra

Institutional racism and black population health Por Jurema Werneck1  Do Scielo 1Universidade Federal...

Estudantes contam como diretores do IFAL desencorajam denúncias de casos de racismo

Mobilizados contra casos de racismo, assédio e LGBTfobia no...
spot_imgspot_img

Um país doente de realidade

O Brasil é um país "doente de realidade". A constante negação da verdade me leva a essa conclusão. Enquanto parte dos indivíduos prefere alterar...

Estudantes contam como diretores do IFAL desencorajam denúncias de casos de racismo

Mobilizados contra casos de racismo, assédio e LGBTfobia no Instituto Federal de Alagoas (IFAL), Campus Maceió, estudantes revelam como foram sistematicamente desencorajados por diretores...

Reconhecer o racismo é determinante nas condições da saúde da população negra

Há um mês, em Brasília, o Ministério da Saúde lançou os dois volumes do Boletim Epidemiológico de Saúde da População Negra (BESPN), por meio da Secretaria de...
-+=