A educação de meninas negras na pandemia

Enviado por / FonteInstituto Unibanco

Suelaine Carneiro, Coordenadora de Educação e Pesquisa de Geledés, apresenta a coleção “A Educação de Meninas Negras na Pandemia”, uma parceria de Géledes – Instituto da Mulher Negra e Instituto Unibanco/Observatório de Educação-Ensino Médio e Gestão, que reúne uma série de estudos e reflexões fundamentais para entender como o isolamento social e o afastamento da escola estão afetando ainda mais estudantes negras e negros.

+ sobre o tema

para lembrar

Estudantes da rede pública aprovam debate sobre abolição da escravatura

Em parceria com a Ufal, ação visa despertar um...

ECA-USP adota cotas raciais

Cursos como jornalismo e editoração vão receber estudantes cotistas em...

Em SP, professores grevistas receberão bônus, diz Estado

Os docentes da rede estadual de São Paulo que...

Na Califórnia, minivans com Wi-fi possibilitam aulas online a estudantes mais pobres

SANTA ANA, EUA - Uma van, um pequeno roteador...
spot_imgspot_img

Inscrições no Enem 2024 são prorrogadas até 14 de junho

As inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram prorrogadas até o dia 14 de junho, anunciou o ministro da Educação, Camilo Santana,...

Inscrições para o Enem 2024 terminam nesta sexta-feira (7)

Termina nesta sexta-feira (7) o prazo para realização das inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024. Os estudantes têm até 23h59...

Analfabetismo: Sul e Sudeste têm vantagem histórica, mas o futuro aponta para resultados mais promissores no Nordeste

Num intervalo de 11 dias, duas importantes pesquisas sobre analfabetismo foram divulgadas. Há três semanas, o Censo de 2022 do IBGE revelou o retrato do...
-+=