As colônias portuguesas: independência tardia

Um a um, todos os Estados africanos conquistaram a independência, com exceção das colônias portuguesas Angola, Moçambique e Guiné-Bissau. A África do Sul também constituía um caso à parte, em função do regime de segregação racial, o apartheid, que vigorava no país.

As possessões portuguesas estavam entre as mais antigas da África, e foram também as que duraram mais tempo. Os três Estados só chegaram à independência nos anos 70, depois da morte do ditador Antonio Salazar, que governou Portugal entre 1932 e 1970.

Moçambique, uma das nações mais pobres do planeta, foi a que permaneceu mais tempo sob domínio colonial: de 1505, quando os portugueses se apossaram de seu litoral, até 1975. O movimento nacionalista surgiu na década de 50 e ganhou impulso em 1962, com a criação da Frente de Libertação de Moçambique, a Frelimo, de linha marxista, liderada por Eduardo Mondlane. Através da tática de guerrilha, a Frelimo adquiriu em 64 o controle de todo o norte da colônia. Mondlane seria assassinado em 69, no exílio, e substituído por Samora Machel. Depois da morte de Salazar, em 1970, as derrotas de Portugal nas colônias africanas foram ampliando a insatisfação entre os militares portugueses. O processo político em Lisboa resultou na Revolução dos Cravos, em abril de 1974, que reinstaurou a democracia no país.

+ sobre o tema

“Papáveis” africanos disputam para suceder Bento XVI

Bento XVI apresentará sua renúncia oficial ao Pontificado...

Descolonização continua a ter «sentido negativo» para muitos portugueses

Quase quatro décadas depois, a palavra descolonização continua...

Europa caminha para o estado de mal-estar social

Tese é do sociólogo Boaventura Sousa Santos; ele...

Conflitos africanos são alimentados pelo Ocidente

O presidente do Zimbabwe, Robert Mugabe, acusou os...

para lembrar

Festival da Mulher Afro Latino Americana e Caribenha 2010

LATINIDADES - FESTIVAL DA MULHER AFRO LATINO AMERICANA E...

Kinpa vita: Cimarrona Angola

Por Jesùs Chucho Garcia. Con su fuerza espiritual,...

Vencedora de Prêmio Casa a favor de políticas contra o racismo

A cubana Zuleica Romay, Prêmio Extraordinário de Estudos sobre...
spot_imgspot_img

Um Silva do Brasil e das Áfricas: Alberto da Costa e Silva

Durante muito tempo o continente africano foi visto como um vasto território sem história, aquela com H maiúsculo. Ninguém menos do que Hegel afirmou, ainda no...

Artista afro-cubana recria arte Renascentista com negros como figuras principais

Consideremos as famosas pinturas “A Criação de Adão” de Michelangelo, “O Nascimento de Vênus” de Sandro Botticelli ou “A Última Ceia” de Leonardo da Vinci. Quando...

Com verba cortada, universidades federais não pagarão neste mês bolsas e auxílio que sustenta alunos pobres

Diferentes universidades federais têm anunciado nos últimos dias que, após os cortes realizados pelo governo federal na última sexta-feira, não terão dinheiro para pagar...
-+=