Guest Post »

Casamento homoafetivo quebra paradigmas com festança no Rio

No dia em que Ana Beatriz Lacerda dos Santos sentou com sua mãe para conversar sobre sua opção sexual, ouviu de resposta um sonoro “eu já sabia”. Apesar de ter aceitado super bem, Angela Maria lamentou apenas não poder levar sua filha ao altar, como sempre sonhara. E foi exatamente esta vontade latente da mãe que transformou o casamento de Ana Beatriz com Aline Cury de um simples jantar para os familiares em uma grande festa para mais de 400 convidados. A festa, que, na medida do possível, seguirá os padrões tradicionais, vai acontecer independentemente do pedido de união civil, que já foi indeferido no cartório, mas seguirá como apelação ao Superior Tribunal de Justiça.

“Esta questão na Justiça não vai nos desanimar. Quando sair a decisão, a gente comemora de novo, mas não vamos desistir”, afirma Ana Beatriz.

 

 

 

Fonte: Jornal do Brasil 

Related posts