domingo, outubro 2, 2022
InícioEm PautaDualidades - Manifestações livres sobre qualquer assunto

Dualidades – Manifestações livres sobre qualquer assunto

por Leno F. Silva

Norte e Sul; Leste e Oeste. Água e fogo; Ar e terra. Sol e lua;
alegria e tristeza; saúde e doença; Yin e Yang; cara e coroa; verso e reverso;
homem e mulher; branco e preto; vida e morte; amor e ódio. A vida se constitui
de dezenas de características, sentimentos, sensações, dualidades;
contradições, opostos e milhares de possíveis arranjos. Viver é descobrir, com
sabedoria e equilíbrio, as melhores maneiras de lidar, a cada instante, com as
distintas situações.

Somos interdependentes: uns dos outros e, juntos, fazemos o nosso
estar; o nosso lar, o nosso bairro, a nossa cidade, o nosso estado, o nosso
país e o nosso mundo. Esse conjunto de vivências, interconectadas e diferentes
revela a riqueza da nossa existência. Ninguém é igual ao outro, e todos somos
únicos nesse planeta pequeno diante da imensidão da galáxia.

Viver nessa existência é um presente que merece ser descoberto e
cultivado por cada um. As diversidades regionais, sociais, de visão de mundo;
de crença, de posição política, deveriam ser, apenas, espaços para a troca de
experiências e de maneiras particulares de estar nessa vida. Jamais poderiam
ser motivos para discriminar, menosprezar e desvalorizar uns e outros.

Olhar o ser humano fragmentado, estabelecer valor em função de sua
origem, lugar onde nasceu; cidade ou país em que reside; o quanto dispõe em sua
conta bancária ou que tipo de roupa está vestindo, dentre tantas outras, são
formas racistas e mercantis de coisificar pessoas que nascem para serem felizes
e para prestarem as suas parcelas de contribuições para o desenvolvimento da
humanidade.

Celebremos a capacidade dos seres humanos de pensar e fazer
escolhas para que, neste Século XXI, consigamos construir com consciência e
solidariedade a convivência pacífica entre todos nós e todos os povos. A
diversidade é a nossa maior riqueza, que precisa ser valorizada e colocada em
prática, por cada um, em todo o momento; com amor, alegria e sabedoria. Como,
por exemplo, agora. Aqui, fico. Até a próxima.

 

 

 

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench