Evento reúne micro e pequenos empresários negros em SP

Seminário Brasil Afroempreendedor debaterá sustentabilidade econômica de micro e pequenos empresários negros

Douglas Belchior no Negro Belchior 

O evento ocorrerá em São Paulo, no dia 14 de dezembro, e mostrará força do afroempreendedorismo, apresentando produtos e resultados construídos ao longo do Projeto Brasil Afroempreendedor

A coordenação nacional do Projeto Brasil Afroempreendedor (PBAE) realiza na próxima segunda-feira, dia 14 de dezembro, no Hotel Holiday Inn Parque Anhembi, em São Paulo, o Seminário Nacional Brasil Afroempreendedor. O objetivo é reunir os coordenadores do projeto, parceiros, gestores públicos, donos de micro e pequenas empresas e empreendedores individuais afro-brasileiros e apresentar os produtos e resultados construídos ao longo do desenvolvimento deste projeto iniciado em 2013. Também é voltado para o debate sobre estratégias para a sustentabilidade dos empreendedores negros e negras no Brasil.

O Seminário faz parte das ações do PBAE, o qual é coordenado pelo Instituto Adolpho Bauer (IAB-Curitiba) e Coletivo de Empresários e Empreendedores Afro-brasileiros (Ceabra – São Paulo), em parceria com o Sebrae Nacional. As entidades envolvidas apresentarão à sociedade os resultados do investimento realizado na capacitação teórica e técnica para mais de 1200 afroempreendedores, distribuídos em 11 estados onde o projeto está sendo realizado: Amapá, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Santa Catarina, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Maranhão, Goiás e Paraíba.

Segundo o coordenador institucional do projeto e especialista em Planejamento e Gestão Estratégica, com Foco em Desenvolvimento Humano e Sustentável, Adilton de Paula, o afroempreendedorismo é uma realidade no país, mas os dados são bem maiores que os divulgados pela Pesquisa Sebrae ‘Os Donos de Negócio no Brasil: Análise por Raça/cor (2003 – 2013)’ . “As estatísticas dizem que hoje temos 11,8 milhões de afroempreendedores formalizados, no entanto, quando falamos dos não formalizados, contabilizamos mais de 20 milhões de pessoas. Isso significa que os negros micro e pequenos empresários no Brasil estão na casa de aproximadamente 30 milhões. E sabemos que muitos deles estão desassistidos de políticas e ações que os façam melhorar a sua renda e, consequentemente, o seu modo de vida. No seminário, vamos poder mostrar a força do afroempreendedorismo, o perfil dos afroempreendedores, mas também dialogar sobre a sustentabilidade, financiamentos e fomentos para o segmento”, adianta o coordenador.

negros

Seminário Brasil Afroempreendedor

O evento vai se dividir em dois momentos e serão convidadas várias autoridades nacionais e estaduais parceiras do projeto. Também particaparão representantes das Organizações das Nações Unidas (ONU Brasil), Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Organização Internacional do Trabalho (OIT), Comissão Econômica para a América Latina (CEPAL), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Caixa Econômica Federal (CEF), Banco do Brasil e Banco do Nordeste.

Sobre o Projeto Brasil Afroempreendedor

O PBAE é a expressão de um compromisso com os micros, pequenos e empreendedores individuais (MEI) afro-brasileiros, assumido no início de 2000, pelo sociólogo João Carlos Nogueira, quando exerceu a função de Secretário na Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR). Nogueira, que também é consultor técnico nacional do Sebrae e coordenador executivo do projeto, afirma que o projeto traduz esse compromisso na área das relações raciais e desenvolvimento brasileiro. “O Brasil, mesmo diante a crises conjunturais, nos âmbitos políticos e econômicos, vive um novo ciclo de desenvolvimento e este não pode continuar sendo excludente e produtor de concentração da renda. Por isso mesmo, fortalecer os milhares de afroempreendedores é vital para alavancar a micro economia brasileira, na medida em que representam mais de 12 milhões atualmente”, enfatiza.

Veja a programação e inscreva-se aqui

+ sobre o tema

10 doenças causadas pela falta de vitamina D

Sol é principal sintetizador de vitamina D. Consumir alimentos...

Onde tem respeito, tem Direitos Humanos; onde não tem, disque 100

  Campanha publicitária do Governo Federal sobre o...

Suicídio de índios no MS do Sul é alvo de debate no Senado

Os senadores Vicentinho Alves (PR-TO) e Paulo Paim (PT-RS)...

Militar que confessou ter incinerado corpos na ditadura sofreu atentado, diz senador

Paulo Paim (PT-RS) faz apelo para que ministro garanta...

para lembrar

Epidemia de zika e microcefalia evidenciam desigualdades sociais e de gênero

Nesta sexta-feira (11), completa-se um ano desde que o...

Dois Jornalistas, uma Família. Uma Morte, duas versões

A jornalista Sylvia Debossan Moretzsohn publivou artigo no Observatório...
spot_imgspot_img

Curso introdutório de roteiro para documentário abre inscrição

Geledés Instituto da Mulher Negra está promovendo formações totalmente online para jovens negres em todo o Brasil. Com um total de 6 formações independentes...

Desenrola para MEI e micro e pequenas empresas começa nesta segunda

Os bancos começam a oferecer, a partir desta segunda-feira (13), uma alternativa para renegociação de dívidas bancárias de Microempreendedores Individuais (MEI) e micro e...

“Geledés é uma entidade comprometida com a transformação social”, diz embaixador do Brasil no Quênia

Em parceria com a Embaixada do Brasil no Quênia, Geledés - Instituto da Mulher Negra promoveu nesta sexta-feira 10, o evento “Emancipação Econômica da...
-+=