Exposição “todo dia é dia 18”

Campanha “todo dia é dia 18”

O objetivo da campanha é sensibilizar crianças, adolescentes e adultos a romper os silêncios que perpetuam a violência sexual contra crianças e adolescentes.

Por Roberta Melo via Guest Post para o Portal Geledés

Iniciamos no dia 18 de maio de 2014, que é o dia nacional do enfrentamento a este tipo de violência e desde então, todo dia 18 de cada mês é lançado um novo cartaz. A parceria com Evelyn Queiroz, a Negahamburguer, traz a força das ilustrações à campanha, mês a mês.

Todos os depoimentos são reais (os nomes são fictícios) revelando a necessidade de que a voz de crianças e adolescentes seja escutada e levada em consideração pelos adultos, sejam eles, familiares, vizinhos, educadores, professores, conselheiros, delegados, juízes, etc.

Todo mês são realizadas ações como: intervenções urbanas nas ruas; processos socioeducativos com crianças e adolescentes; atividades formativas para educadores e outros profissionais, assim como comunicação nas mídias sociais digitais.

No dia 18 de maio no Cedeca Interlagos a partir das 14h realizaremos uma exposição com todos os cartazes produzidos, além de um debate sobre o tema com uma especialista, e fecharemos o dia com apresentações musicais.

Para mais informações acesse:
https://www.facebook.com/campanhatododiaedia18
http://cedecainter.org.br/

+ sobre o tema

Você e sua Mama !

Segundo tipo mais frequente no mundo, o câncer de...

Marido mata mulher após ameaça em perfil de rede social

No perfil atribuído ao autor do crime, foi postada...

Mulheres Negras de São Paulo lançam Manifesto para o Dia Internacional da Mulher

Nesse 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, nós...

para lembrar

Adolescente canadense torna-se a primeira líder de torcida trans de sua escola

“Todo mundo sabia que eu era transexual e as...

Disso as feministas não falam

Já parei de contar as vezes em que algum...

Christiane Taubira

Christiane Taubira, nascida em 2 de fevereiro de 1952...

O cuidado e o feminismo em tempos de pandemia

O papel de tomar conta da família, invisível e...
spot_imgspot_img

IBGE: mulheres assalariadas recebem 17% menos que os homens

Dados divulgados nesta quinta-feira (20/06) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que a disparidade salarial entre os gêneros no Brasil se mantém em...

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...
-+=