sexta-feira, fevereiro 3, 2023

Janeth Arcain

Janeth Arcain nasceu no dia 11 de abril de 1969, em São Paulo, mas foi registrada em Carapicuíba, na Grande São Paulo. Viveu uma infância simples no bairro do Bom Retiro, na Capital. Desde pequena, o que Janeth mais gostava de fazer era participar das aulas de Educação Física na escola. E foi em 1983, que sua professora a levou para Catanduva, onde iniciou sua carreira no Clube Higienópolis. Naquele mesmo ano, três meses após seu início nas quadras, Janeth foi campeã estadual na categoria mirim e recebeu o prêmio de melhor jogadora da categoria. A partir daquele ano, o basquetebol ganhou uma guerreira, um exemplo de superação, disciplina, determinação e coragem.

Janeth Arcain
Janeth Arcain

Janeth Arcain é a atleta que mais possuí títulos da história do basquetebol brasileiro.

Foi a primeira jogadora brasileira a atuar em solo americano, participou de oito temporadas da WNBA e conquistou quatro títulos consecutivos. No ano de 2001, sendo a terceira jogadora mais votada da liga americana, foi eleita pelo público, para participar como titular do Jogo das Estrelas, o All Star Game, e ainda neste mesmo ano, recebeu o prêmio de “Jogadora que mais Evoluiu na WNBA”.

Na carreira, além de medalha de prata nas Olimpíadas de Atlanta, em 1996, e bronze em Sydney 2000, a atleta deixou sua marca, como cestinha dos Jogos Olímpicos, em Atenas, com 535 pontos. De 1998 a 2007, Janeth foi capitã da seleção brasileira e principal jogadora de basquetebol do país.

Em São Paulo, na região do Grande ABC, desde 5 de fevereiro de 2002 dirige o Instituto Janeth Arcain, que atende crianças e jovens entre 7 e 15 anos de idade. Seu maior objetivo é proporcionar as crianças e jovens um desenvolvimento físico e mental harmonioso, através de treinos práticos e teorias formativas para sua qualidade de vida.

A Janeth é a única jogadora na história dos Comets a jogar em todos os 196 jogos (até a data de 6/19/03). Ela começou a jogar basquete com 14 anos de idade, depois de ver o Campeonato Mundial em São Paulo de 1983. Antes de sua carreira na WNBA, seu momento mais memorável de basquete for ganhar o Campeonato Mundial de 1994 contra a China. A superstição de Janeth para ter uma boa partida é que ela deve pisar na quadra com seu pé direito.

O mais destacado na sua carreira: Ela foi titular em um total de 138 jogos em sete temporadas, incluindo uma faixa ativa de 106 jogos consecutivos (até a data de 6/19/03). Sua média de carreira é de 10.3 pontos, 3.7 rebotes e 1.9 assistências por partida. Ela é a quarta na história dos Houston Comets com a média mais alta de pontos (10.3), a segunda em roubos de bola (260), e é a terceira em assistências totais (367) e rebotes totais (728). Janeth foi nomeada a Jogadora Mais Melhorada do Ano de 2001 da WNBA.

Temporada 2002-2003: Sua media foi de 11.4 pontos, 3.9 rebotes e 2.7 assistências em 32 jogos como titular. Foi classificada a terceira na WNBA em porcentagens de lance livre (.883). Foi a nona colocada na WNBA em

2001-2002: Classificada a quarta jogadora na WNBA em marcação. Liderou os Comets em pontos em 17 ocasiões e vez quatro rebotes.
2001-2002: Classificada a quarta jogadora na WNBA em marcação. Liderou os Comets em pontos em 17 ocasiões e vez quatro rebotes.

minutos jogados (34.9). Foi classificada a terceira nos Comets em pontos (11.4 ), segunda em assistências (2.7) e segunda em roubos de bola (1.59). Ela liderou a equipe em assistências 10 vezes. Marcou 21 vezes e cruzou a marca de 20 pontos em duas ocasiões.

Nos Playoffs: Segura médias de carreira de 8.0 pontos e 3.8 rebotes em 24 jogos do playoff . Janeth, junto com Tina Thompson, é a única de duas jogadores dos Comets a ter participado em todos os jogos do playoff na história da equipe. Ela é a quinta na história dos playoffs dos Comets em média de pontos (8.0) e é a terceira em rebotes totais (90). Marcou 18 pontos em Los Angeles no dia 20 de agosto de 2001. Registrou o único duplo-dobro de sua carreira no dia 28 de agosto de 1997, no Jogo de Semifinal contra Charlotte, marcando 15 pontos e 10 rebotes.

2001-2002: Classificada a quarta jogadora na WNBA em marcação. Liderou os Comets em pontos em 17 ocasiões e vez quatro rebotes. Marcou 20 ou mais pontos em 12 ocasiões. Fez 24 lances livres consecutivos do dia 7 ao dia 30 de junho. Fez o arremesso ganhador no último segundo para uma vitória de 60-58 em Phoenix no dia 10 de junho. Recebeu seu primeiro título de Jogadora da Semana da WNBA para os jogos jogados nos dias 4 a 10 de junho, com uma média de 23.3 pontos e de .833 arremessos da linha de lance livre. Foi titular ao seu primeiro jogo de All-Star da WNBA depois de receber 70,107 votos. Jogou 20 minutos, marcou sete pontos e registrou um rebote no jogo de All-Star no dia 16 de julho. Marcou 29 pontos no dia 24 de julho contra Utah.

2000-2001: Alcançou duplo-algarismo ao marcar 11 vezes. Marcou 18 pontos em Portland no dia 31 de maio, e contra Portland no dia 30 de junho. Liderou os Comets em marcação e dois rebotes. No último segundo, fez o arremesso ganhador numa 73-71 vitória em Utah no dia 10 de junho. Fez nove rebotes contra Phoenix no dia 2 de julho.

1999-00: Medias: 5.8 pontos, 2.8 rebotes e 1.2 assistências em 32 jogos.

1998-99: Fez cinco rebotes ofensivo contra Phoenix no dia 28 de julho.

1997-98: Marcou 23 pontos no primeiro jogo dos Comets no dia 24 de julho. Fez nove rebotes em duas ocasiões. Liderou os Comets ao encestar três vezes.

janeth_solo

Conheça dois trabalhos sociais de Janeth Arcain

Instiuto Janeth Arcain

Rede Esporte pela Mudança Social

Fontes: Instituto Janeth Arcain e NBA.com

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench