Mais um cantor de funk é alvo de atentado

MC Neguinho do Caxeta foi alvejado com quatro tiros, na madrugada de ontem, em São Vicente

O cantor de funk, Julio César Santos Ferreira, de 26 anos, conhecido como Mc Neguinho do Caxeta, foi baleado na manhã de ontem, em São Vicente.

Segundo a polícia, o cantor foi atingido por quatro tiros e encaminhado ao Pronto Socorro do Hospital Municipal de São Vicente. Ele não corre risco de morte. Neste ano, dois MCs foram assassinados na Baixada. De acordo com o padrasto da vítima, André de Sousa, o cantor foi alvejado quando levava duas amigas de carro ao bairro Cidade Náutica 3.

Um veículo emparelhou com o carro e disparou vários tiros. De acordo com a Polícia, a mulher que estava no banco do passageiro acabou tendo ferimentos no rosto após se jogar do carro em movimento para escapar dos disparos. O cantor, que estava dirigindo, foi atingido por quatro tiros nas costas.

Já a outra mulher se agachou dentro do veículo e não foi baleada. Ambos passam bem, segundo a assessoria do hospital. “Chegaram a ligar para ele. Falaram que ele seria o próximo a morrer”, disse o padrasto do cantor. Até o fechamento desta edição ninguém havia sido preso.
Outros casos
Confira outros atentados a funkeiros na Baixada:
10 de abril de 2010 – DJ Felipe da Praia Grande e o MC Felipe Boladão, ambos 20 anos, foram assinados em PG quando esperavam uma carona para um show em Guarulhos;
12 de abril de 2011 – MC Duda do Marapé, de 27 anos, foi morto com ao menos nove tiros à queima roupa, no Centro de Santos;
19 de abril de 2012 – MC Primo, de 28 anos, foi morto a tiros no Jóquei Clube, em São Vicente. Jadielson da Silva Almeida foi executado na frente do casal de filhos e da esposa. O soldado da PM, Anderson Oliveira Freitas, 29 anos, está preso suspeito da morte do cantor;

Fonte: Band

+ sobre o tema

O calor tem cor e tem classe

Está calor? Sim. Para todo mundo de forma igual? Não. Quantos...

SOS Racismo satisfeita com condenação de Mário Machado

A associação SOS Racismo congratulou-se hoje com a condenação...

Joaquim Evangelista apela ao combate ao racismo e violência

Presidente do Sindicato dos Jogadores garantiu que o organismo...

para lembrar

Uma conversa com meu filho negro

Uma conversa com meu filho negro: nesse curto docum­entár­io,...

Como combater discursos de ódio que sustentam atos racistas?

Nos dias 4 e 5 de novembro, evento na...

Pesquisa mede o racismo entre jovens italianos e de origem estrangeira

Por ocasião do 20 de novembro, Jornada dos Direitos...
spot_imgspot_img

Futuro da gestão escolar

A educação pública precisa de muitos parceiros para funcionar. É dever do Estado e da família, com colaboração da sociedade, promover a educação de todas as...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais pobres e, mesmo assim, talvez não veja a mudança na realidade do país que se...

Criança não é mãe

Não há como escrever isto de forma branda: nesta quarta-feira (12), a Câmara dos Deputados considerou urgente discutir se a lei deve obrigar crianças vítimas de estupro à...
-+=