Guest Post »

Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)

Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN). Abdias do Nascimento, engajado na luta para combater o racismo e a desigualdade racial, utilizou do Teatro Experimental do Negro como uma maneira de inserir os negros, não só culturalmente, como também artística e socialmente.

Nascido na cidade de Franca, no estado de São Paulo, em 14 de março de 1914, Abdias do Nascimento representa um dos maiores defensores da cultura e da igualdade para as populações afrodescendentes do Brasil. Desde a década de 1930, já iniciava sua luta contra o racismo, com o intuito de combater a discriminação racial.

Formou-se em economia na universidade do Rio de Janeiro, em 1938, mas foi em 1940, quando se tornou integrante de um grupo de poetas criado no Rio de Janeiro (Santa Hermandad Orquídea), que, ao viajar pela América no Sul, teve a ideia de criar o Teatro Experimental do Negro (TEN). Essa ideia surgiu após assistir à peça teatral “O Imperador Jones”, de Eugene O’Neil, em que um ator branco, tingido de preto, representava o papel do herói. Para Abdias, ele simbolizava a exclusão do negro não só em Lima, mas no teatro ocidental. Com o intuito de se ter um teatro para artistas negros, o TEN foi fundado no Rio de Janeiro em 1944, sendo uma das formas utilizadas por Abdias para denunciar e lutar contra o racismo e a desigualdade racial.

Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)

O TEN tinha como temática abordar assuntos em suas peças teatrais que levassem as pessoas a refletirem sobre a situação do negro, não só do ponto de vista cultural, como também artístico e social. O elenco era formado por empregadas domésticas, operários e moradores das favelas, que recebiam cursos de alfabetização. À noite, eram realizados cursos referentes a conhecimentos gerais e culturais. Em 1968, o projeto foi interrompido por conta de perseguições políticas da época, mas Abdias, que se encontrava exilado, permanece com o teatro em cena realizando denúncias do racismo no Brasil em várias partes do mundo.

Após o exílio (1968-1978), Abdias se inseriu na política, colaborando para a criação do Movimento Negro Unificado e até os dias atuais ele realiza trabalhos voltados para a questão do negro na sociedade brasileira, tema este presente em seus livros e suas pinturas.

Destaques:

Abdias do Nascimento – Teatro experimental do negro: trajetória e reflexões

Teatro Experimental do Negro – TEN

Abdias do Nascimento – Afro-brasileiros

Abdias do Nascimento – Biografia

Abdias do Nascimento

Recursos recomendados:

Vídeo: O vídeo que se encontra no site a seguir relata, através de Abdias do Nascimento, como se deu a construção da Frente Negra, em 1931, e o Teatro Experimental do Negro, em 1944, com o objetivo de combater a discriminação racial daquele tempo e resgatar os valores culturais dos negros.

Filmografia: Um grito de liberdade

Diretor: Cry Freedom. Inglaterra, 1987. Duração: 157 minutos

Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)

Baseado em fatos reais, o filme narra a história de um ativista negro, assassinado em 1977, que lutava por seus ideais de libertação, indo contra o Apartheid, no regime racista da África do Sul.

Aula Expositiva

Realize uma aula expositiva com os alunos, relatando a chegada dos portugueses e de demais povos no Brasil, assim como todas as modificações ocorridas no território brasileiro após o seu descobrimento.

Dialogue com os alunos sobre a presença dos negros africanos durante o período colonial e a situação dos negros após a abolição da escravidão, ocorrida em 1888, em que os negros tornam-se livres. No entanto, encontravam-se sem lugar para morar, sem trabalho e sem dinheiro. Dessa maneira, veem-se obrigados a se instalar em áreas localizadas nas periferias sem condições de saneamento básico e infraestrutura, o que contribuiu para o processo de favelização das cidades.

Trabalho de campo: No Brasil, existem em torno de 3.500 remanescentes de quilombos. Verifique se, em sua cidade, existe algum remanescente de quilombo. Caso exista, entre em contato com eles e verifique se há a possibilidade de se realizar uma visita ao local para que os alunos possam conhecer de perto os costumes, as danças e a cultura que ainda preservam de seus antepassados.

Atividades para estudantes:

Visto que o Brasil não é o único país a passar por discriminação e desigualdade racial, realize uma pesquisa identificando os principais conflitos raciais que já aconteceram e que ainda acontecem no mundo. No Brasil, mais de 50% da população brasileira é descendente de alguma outra população, seja europeia, africana, indígena, entre outras. Busque informações com seus familiares no intuito de construir uma árvore genealógica identificando a origem da sua família e a descendência de outros povos.

Sugestão docente:

A cultura africana muito influenciou na construção da cultura brasileira, seja através da dança, da culinária, da religião, etc. Divida os alunos em pequenos grupos de forma que cada grupo fique responsável por um tema: culinária, dança, religião, linguagem, etc. Solicite a cada grupo que realize uma pesquisa, de acordo com o seu tema, identificando, por exemplo, as comidas trazidas pelos africanos que foram inseridas na culinária dos brasileiros, as palavras que utilizamos no nosso dia a dia e que são de origem africana.

Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula - Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)
Plano de Aula – Abdias do Nascimento e o Teatro Experimental do Negro (TEN)

Fonte: Educar Brasil

Related posts