PM que negou ajuda a jovem negro ameaçado em SP responderá criminalmente

Policial que aparece em vídeo foi identificada pela corporação

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) identificou a policial militar que aparece em imagens recusando ajuda a um jovem negro que sofreu ameaças de um homem armado.

A PM irá responder criminalmente e disciplinarmente pela omissão registrada em vídeo.

Em nota, a SSP-SP disse que a conduta dela foi considerada grave e que “não condiz com as expectativas da sociedade e muito menos com as responsabilidades do profissional de segurança pública, que deve agir prontamente sempre que presenciar um crime, estando ou não em serviço”.

O caso aconteceu no último domingo (12) na frente da estação de metrô Carandiru, na zona norte de São Paulo. Além da recusa a ajudar, a policial chegou a agredir o jovem com um chute na barriga.

O vídeo, veiculado pelo portal Ponte Jornalismo e ao qual a CNN teve acesso, foi registrado por um repórter fotográfico que passava no local no momento da confusão. Ele preferiu não se identificar.

Nas imagens, é possível ver um homem segurar o rapaz negro pelo pescoço enquanto o ofende inúmeras vezes. Outras pessoas presentes no local gritam frases como “vai roubar não” e “tem emprego pra todo mundo, vai procurar um trampo”.

Instantes depois, um homem saca uma arma e ameaça atirar no jovem. Para evitar que ele seja baleado, uma mulher, que se refere ao homem armado como “Paulo”, se coloca entre o jovem e o homem armado. Revoltado, ele pergunta se ela “vai defender ladrão”.

Uma das pessoas que presencia a cena no local é a policial militar, que assiste aos acontecimentos encostada em um muro. Questionada pelo cinegrafista se não interviria, ela apenas gesticula e diz “liga para o 190”. Quando o rapaz negro se aproxima da policial para pedir ajuda, ela nega e diz que está de folga. Depois, afasta o jovem com um chute na barriga.

CNN tenta contato com o homem que aparece armado e com a policial que aparece nas imagens.

+ sobre o tema

Como uma professora deu uma poderosa lição sobre bullying usando duas maçãs

A professora britânica Rosie Dutton encontrou uma criativa e...

Band-Aid terá curativos para diferentes tons de pele

A Band-Aid anunciou em sua conta do Instagram que...

Da periferia à realeza, o racismo se impõe

“Meu Deus! Meu Deus! Se eu chorar, não leve a...

“Calaram Marcos Vinícius, mas não vão me calar”

Bruna da Silva, mãe de estudante morto em junho...

para lembrar

Após protesto, MP promete controle externo da PM em São Paulo

O Ministério Público do Estado de São Paulo dará...

Teixeira de Freitas se mobiliza a favor da juventude e contra a violência

O Colóquio resultou num documento que será utilizado como...

Jazz como denúncia do racismo policial

Sobre Ku Klux Klan Police Department, de Christian Scott...

Nelson Inocêncio, um ativista na UnB

As lutas do movimento negro transparecem na pele e...
spot_imgspot_img

Futuro da gestão escolar

A educação pública precisa de muitos parceiros para funcionar. É dever do Estado e da família, com colaboração da sociedade, promover a educação de todas as...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais pobres e, mesmo assim, talvez não veja a mudança na realidade do país que se...

Criança não é mãe

Não há como escrever isto de forma branda: nesta quarta-feira (12), a Câmara dos Deputados considerou urgente discutir se a lei deve obrigar crianças vítimas de estupro à...
-+=