segunda-feira, maio 25, 2020

    Resultados da pesquisa por 'ataques racistas'

    Cacau gravou cena em quartel dos Bombeiros do Rio (Reprodução/Instagram)

    Cacau Protásio sofre ataques racistas de bombeiros durante gravação

    Os dançarinos que contracenavam com a atriz também receberam ofensas homofóbicas Da Revista Claudia  Cacau gravou cena em quartel dos Bombeiros do Rio (Reprodução/Instagram) Cacau Protásio e mais quatro bailarinos sofreram ataques racistas e homofóbicos de bombeiros do Rio de Janeiro. O caso aconteceu durante as gravações do filme Juntos e Enrolados, no Quartel-Central do Corpo de Bombeiros, no Centro do Rio. Em uma das cenas, Cacau e os bailarinos usam a farda da corporação durante uma apresentação de dança. No filme, o momento é, na verdade, o sonho de um dos comandantes. Um sargento que estava nos bastidores gravou um vídeo da representação dos artistas, dizendo as seguintes ofensas: “Olha a vergonha no pátio do quartel central. Essa mulher do Vai que Cola, aquela gorda, colocou a farda e botou os dançarinos viados com roupa de bombeiro. Isso é um esculacho, rapaz. Qual é a ...

    Leia mais
    Imagem Geledés

    Ataques racistas a atletas podem provocar mudanças nas redes sociais

    Twitter vai se reunir com o Manchester United para discutir o assunto Por Daniele Bellini, do O Estado de S.Paulo Imagem Geledés Os recentes insultos racistas a jogadores de futebol na Inglaterra podem provocar mudanças no acesso e utilização das redes sociais. O Twitter, por exemplo, já anunciou que vai se reunir com o Manchester United para discutir o assunto. "Sempre mantivemos um diálogo aberto e saudável com nossos parceiros neste âmbito, mas sabemos que precisamos fazer mais para proteger nossos usuários. O comportamento racista não tem lugar na nossa plataforma e nós o condenamos veementemente. Para isso, esperamos trabalhar mais próximos a nossos parceiros para desenvolver soluções em conjunto para essa questão", disse o Twitter em um comunicado à imprensa. Em menos de uma semana, a Inglaterra teve três casos de ataques racistas nas redes sociais envolvendo jogadores de clubes importantes no país, o Manchester ...

    Leia mais
    Wendie Renard é uma das melhores jogadoras da seleção francesa atualmente Foto- Arte de Ana Luiza Costa sobre foto de divulgação

    Os ataques racistas sobre cabelo de francesa que tirou Brasil da Copa

    Campeã da Champions League, Wendie Renard foi criticada por ter 'cabelo ruim' e 'duro'. Segundo especialista, o belo segue, ainda em 2019, um padrão que não inclui a etnia negra por Clarissa Pains no O Globo Uma das melhores jogadoras de futebol da França, Wendie Renard, de 28 anos, foi alvo de uma série de ataques racistas durante a após a partida que levou à saída da seleção brasileira da Copa do Mundo de 2019. A "gigante" de 1,87m de altura é artilheira entre as francesas neste Mundial e é internacionalmente reconhecida pela qualidade de seu jogo aéreo. Seis vezes campeã da Champions League feminina, ela é a terceira jogadora de futebol mais bem paga do mundo — à frente, por exemplo, de Marta, que é a quinta no ranking. Mas o que muitos brasileiros decidiram destacar ao ver Renard jogar foi... o seu cabelo. A francesa foi chamada de ...

    Leia mais

    ‘Negros fedidos’: Atriz da Globo vai à polícia denunciar ataques racistas

    A atriz Erika Januza, da Rede Globo, entrou na Justiça contra pessoas que têm enviado ofensas racistas contra ela por redes sociais e email. A onda de ataques teve início no fim de outubro e, agora, a atriz juntou todas as provas e levou à polícia para que um inquérito seja aberto. Do BHAZ Instagram/Reprodução A global deseja que os responsáveis sejam punidos. Já vinha lendo ofensas nas redes sociais e, de umas três semanas para cá, passei a receber também por email. Já foram uns 20, de remetentes diferentes, mas que, pelo teor, parecem vir da mesma pessoa. Juntei tudo e levei à delegacia”, contou a atriz para o jornal O Globo. “Fui muito bem atendida pelos policiais e também estou contando com a ajuda de um advogado, que irá acompanhar o processo para mim. Meu desejo é encontrar os responsáveis e mostrar que eles ...

    Leia mais
    Dustin Brown / Divulgação - Lance

    Após sofrer novos ataques racistas, Dustin Brown pede que redes sociais tomem atitude com os perfis denunciados

    Tenista alemão de ascendência jamaicana ganhou apoio de fãs e colegas neste momento complicado no Lance Dustin Brown / Divulgação - Lance O alemão de ascendência jamaicana, Dustin Brown, voltou a ser vítima de ataques racistas em redes sociais, após receber uma série de mensagens no Instagram. Frequente alvo de preconceito, Brown pediu providência das empresas. Brown, que sempre denuncia os ataques que sofre, registrou um print (cópia) das mensagens enviadas de modo privado via Instagram de uma usuária identificada como Shoshonna21, que teve seu perfil bloqueado pela rede social após um movimento massivo de denúncias. Nas mensagens, a usuária escreve, dentre outras coisas terríveis, que "Eles deveriam fazer picadinho de um preto sem utilidade como você e dar aos porcos. Pretos inúteis como você merecem morrer!" . Brown protestou via Twitter: "As redes sociais como Instagram, Twitter e Facebook precisam revisar suas políticas, e então ...

    Leia mais

    Comercial d’O Boticário com família negra sofre ataques racistas

    Uma campanha publicitária da franquia de cosméticos e perfumes O Boticário se tornou polêmica após sofrer ataques racistas nas redes sociais. Do Metro Jornal Reprodução/YouTube O vídeo, publicado no YouTube na quinta-feira (26), mostra o relato de uma família negra e remete ao Dia dos Pais, neste ano comemorado no dia 12 de agosto. Entre os comentários racistas, estão pessoas questionando a "falta de pessoas brancas" e acusando a marca de "racismo reverso". A propaganda já está com mais de 6,5 milhões de visualizações, e teve mais de 16 mil avaliações negativas. Em resposta, a empresa desativou os comentários do vídeo no YouTube. Reprodução/YouTube Nas redes sociais, muitas pessoas elogiaram a campanha e criticaram os comentários racistas. A página d'O Boticário no Facebook inclusive respondeu comentários agradecendo o carinho dos defensores. Reprodução/Facebook  

    Leia mais

    Após ataques racistas, garota de 11 anos vira rosto de marca de beleza

    Ana Clara Barbosa tem apenas 11 anos, mas já é dona de seu próprio canal no Youtube, em que dá dicas para meninas cuidarem de seus fios e se divertirem com maquiagem. no Universa No entanto, um vídeo em que ensinava outras garotas a arrumarem os cabelos para ir para a escola — postado em setembro de 2017 —, foi alvo recentemente de uma enxurrada de comentários racistas e virais. Youtubers famosos, desde então, se posicionaram em defesa de Ana. Entre eles, Whindersson Nunes, que fez questão de escrever uma mensagem de apoio dizendo que ela era linda, além de se inscrever em seu canal.  E, na última semana, ela deu mais um "tapa" no racismo ao ter mais uma conquista importante em sua trajetória de influenciadora: Ana Clara se tornou rosto de uma marca de beleza nacional, a Salon Line, que divulgou a primeira imagem da pequena no ensaio. Parceira de Ana Clara ...

    Leia mais

    Miss Rio Grande do Sul: finalista do concurso sofre ataques racistas nas redes sociais

    Samen dos Santos, a representante de Tramandaí no Miss Rio Grande do Sul, foi alvo de ataques racistas no Instagram. A modelo se manifestou por meio do Instagram repudiando os ataques e comentários preconceituosos e afirmou já estar tomando as devidas providências. Da Revista Donna  Reprodução/Donna Um dos comentários preconceituosos afirmava que ela “não representa a mulher gaúcha (que) é branca e linda, não negra”. Outro dizia: “Ela também não representa a beleza da mulher brasileira. Ela representa a Africa”. Um terceiro: “Falam que ela é linda só porque é negra e no Brasil (país afrocentrista) é quase uma obrigação achar que os negros são lindos sendo que a grande maioria deles são feios pra c…”. A jovem de 26 anos afirmou ter bloqueado os perfis que lhe a atacaram e excluiu os comentários. E desabafou sobre já ter vivido episódios racistas como este outras vezes: “Eu consigo me blindar contra tudo de negativo que envolve o meu nome, simplesmente ignorando. ...

    Leia mais

    “Cabelos de bucha”: Miss sofre ataques racistas na internet

    Ediane Caetano, Miss Beleza Negra 2016, publicou imagens de um ensaio nu feito no início deste mês e foi alvo de comentários racistas nas redes sociais no Revista Fórum Ediane Caetano, Miss Beleza Negra 2016 e estudante, foi vítima de vários comentários racistas nas redes sociais, depois que ela publicou fotos de um ensaio nu, realizado no início de setembro. A vítima chegou a registrar um boletim de ocorrência, na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), em Rio Branco, no estado do Acre. Reprodução/Instagram Entre os comentários denunciados, aparecem coisas do tipo “sou obrigado a achar negra dos cabelos de bucha uma lindeza?”; “que mulher horrível”, foram alguns dos registrados. Na própria publicação, alguns internautas defenderam a modelo. Ediane soube dos ataques somente no último dia 11 deste mês, mas as acusações já estavam sendo feitas em dias anteriores. “Recebi muitos comentários positivos, mas também vieram os negativos, quando ...

    Leia mais

    Gaby Amarantos diz estar ‘determinada a fazer justiça’ contra ataques racistas

    Com o incentivo e os mesmos advogados de Bruno Gagliasso, cantora entrou na Justiça e busca vencer o preconceito: 'O Bruno me incentivou demais'. por Lucas Pasin no Ego Assim como Bruno Gagliasso, que nesta semana prestou queixa por racismo contra sua filha, Titi, Gaby Amarantos também tomou a iniciativa de não deixar mais o preconceito fazer parte dos comentários de suas postagens nas redes sociais. Em conversa com o EGO, antes de apresentação no concurso "Beleza Nordestina", que aconteceu na noite de sexta-feira, 18, no Centro de Tradições Nordestinas, no Rio, a cantora falou sobre a decisão de entrar na Justiça e sobre toda a discriminação que já sofreu desde que se tornou famosa. "Sofro preconceito há muitos anos, me tornei até casca grossa para lidar com isso. Várias outras vezes alguns perfis já foram até o meu perfil no Instagram e fizeram um ataque racista. Agora, que eu vi que isso começou a tomar uma ...

    Leia mais

    Médica que defendeu paciente em polêmica do “peleumonia” sofre ataques racistas

    Júlia Rocha chamou a atenção para a questão do preconceito linguístico e, em resposta, foi vítima de uma enxurrada de ofensas racistas lideradas por outro médico Por Matheus Moreira da Revista Fórum A médica e cantora mineira Júlia Rocha – que chegou a participar do programa The Voice Brasil – publicou em seu Facebook, na última semana, um texto falando sobre a polêmica do médico que expôs na internet os erros cometidos por um paciente, que dizia “peleumonia” ao invés de pneumonia. Após criticar a questão do preconceito linguístico, Júlia recebeu apoio de internautas e amigos na rede social. Mas com a viralização do post – compartilhado mais de 67 mil vezes –, a cantora acabou sendo vítima de uma onda de ataques racistas. Um deles, inclusive, liderado por uma figura conhecida por xingar a presidenta Dilma Rousseffapós queda de pressão durante uma entrevista, o médico gaúcho Milton Pires. Ele também já foi acusado de agredir ...

    Leia mais

    Preta Gil relata ataques racistas em seu Facebook: ‘Estou em estado de choque’

    A cantora Preta Gil é mais uma vítima de ataques racistas nas redes sociais. Um grupo intitulado #MM invadiu o seu perfil no Facebook para atacá-la com ofensas. A artista usou o seu Snapchat na madrugada desta terça-feira para contar o ocorrido e se disse "chocada" com os ataques. Do Extra  "Meu Facebook foi atacado por um grupo intitulado #MM. Estou em estado de choque. Chocante! Racismo é crime. Será que eles não sabem ainda?. O mais triste é que a maioria são crianças! Já com tanto ódio no coração!!!", postou ela. Na manhã desta terça-feira, ela narrou o episódio na rede social através de um desabado. Preta contou que recebeu mensagens de ódio atacando a sua cor e o seu corpo. "Me chamo Preta Maria Gadelha Gil Moreira de Godoy, tenho 42 anos, sou casada, mãe de um homem de 21 anos e avó de uma boneca de 8 ...

    Leia mais
    Foto: Sergio Zalis/Globo

    MP diz que prisão dos acusados ataques racistas contra atriz não se justifica

    Taís Araújo foi vítima de comentários racistas em sua página na Internet em 2015 Do O Dia O Ministério Público (MP) e a Justiça do Rio entenderam, em conjunto, não ser necessária a manutenção da prisão temporária dos três acusados de promover ataques racistas contra a atriz Taís Araújo em seu perfil no Facebook. De acordo com o MP, a prisão temporária dos acusados não se justifica pois as investigações da Polícia Civil terminaram. A prisão temporária do indiciado ocorre quando é imprescindível para a condução das investigações ou quando o acusado não tem residência fixa. Francisco Pereira da Silva Junior, Pedro Vitor Siqueira da Silva e Thiago Zanfolin Santos Silva foram presos temporariamente na última quarta-feira, 16, pelos crimes de racismo, injúria racial e formação de quadrilha. Como a prisão temporária dura cinco dias, o delegado Alessandro Thiers, da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), responsável pelas ...

    Leia mais

    Mãos negras sofrem ataques racistas no Instagram da Risqué

    Alguns dias depois da repercussão dos ataques racistas contra uma modelo negra no Instagram da marca de maquiagem MAC, mulheres brasileiras também mostraram sua face preconceituosa na mesma rede social. Por Silvia Nascimento, do Mundo Negro  Em um misto de racismo explicito e disfarçado de opinião, seguidoras da marca de esmalte Risqué, destilam comentários como “A mão parece que tá (sic) suja de carvão”, “Tá horrível” “Que horror”, em fotos de mulheres negras que participam da campanha com a hashtag #RisquédaSemana, onde a marca publica no seu perfil,  fotos das suas consumidoras usando produtos da empresa. Além de serem menores, as críticas em relação à pintura e acabamento das mãos brancas, são construtivas e brandas. No meio dos comentários ofensivos a Risqué emitiu sua opinião dizendo que defende que todas as mulheres podem e devem usar a cor que quiserem nas unhas.  “Somos uma marca democrática desde sempre, valorizamos o ...

    Leia mais
    Black businesswoman looking upwards

    Rede de supermercados é condenada a pagar R$ 500 mil para funcionária vítima de ataques racistas

    A rede atacadista Makro foi condenada a pagar R$ 500 mil de indenização por danos morais a uma estoquista de 39 anos que sofria constantes ataques racistas de uma colega de trabalho na unidade de Florianópolis. A vítima levou o caso para os chefes, denunciou à ouvidoria internacional, porém nada foi feito. O juiz considerou que houve omissão por parte da empresa. Do DC Colegas e clientes presenciaram os ataques racistas e confirmaram que a funcionária era ofendida com expressões como "preta fedida", "macaca preguiçosa" e "urubu fedorento" por uma pessoa de outro departamento. Segundo consta no processo, as testemunhas relataram que a estoquista demonstrava medo da agressora e, após os ataques, era vista chorando no banheiro. Em uma das situações, a vítima foi no banheiro lavar as mãos e encontrou a colega no caminho, que a chamou de "nega fedida" e bateu a porta em sua cara. De acordo ...

    Leia mais

    Mais uma para a lista: atriz Sheron Menezes é alvo de ataques racistas

    Mais uma vez uma atriz negra foi vítima de comentários racistas em redes sociais no Brasil. No último sábado (5), Sheron Menezzes foi agredida verbalmente por vários comentários preconceituosos numa foto que postou. Recentemente as atrizes  Cris Vianna e Taís Araújo passaram pela mesma situação. Do DCM Na madrugada desta segunda (7), Sheron fez um desabafo em uma de suas redes sociais e recriminou essa atitude (veja abaixo). A atriz também informou na publicação que vai tomar as providências cabíveis para identificar os responsáveis pelas ofensas racista.

    Leia mais
    Pichação em banheiro na semana do Dia da Consciência Negra foi assinada com uma suástica. Imagens: Reprodução

    Ataques racistas voltam a acontecer na UFABC

    É a segunda pichação em duas semanas; alunos afirmam que universidade qualificou o ocorrido como crime contra o patrimônio para não registrar B.O. em delegacia especializada em racismo Por Maitê Berna, do Ponte Em 12 de novembro, na semana que antecedeu a do Dia da Consciência Negra (20), uma das portas do banheiro masculino do campus de São Bernardo do Campo (SP) da Universidade Federal do ABC (UFABC) apareceu pichada com os dizeres: “Negros da UFABC, lembrem-se: a vida não tem cotas. Saindo daqui vocês serão apenas uns escravos letrados”. Por causa disso, coletivos que atuam dentro da instituição, como o Vozes, promoveram uma série de debates sobre racismo. Mas não adiantou muito. Outras pichações apareceram esta semana, no dia 25. As duas novas pichações, ambas com os mesmos dizeres, apareceram nas portas dos banheiros masculinos dos blocos Alfa 1 e Alfa 2 no dia 25 de novembro: “Front NS 1488 ABC. Viado, preto e feminista vão ...

    Leia mais

    Taís Araújo diz que não se intimidará e denunciará ataques racistas

    Atriz fez desabafo no Facebook, onde sofreu ataques criminosos: "Se a minha imagem ou a imagem da minha família te incomoda, o problema é exclusivamente seu" Do iG Taís Araújo usou sua página no Facebook para fazer um desabafo sobre os ataques racistas que sofreu na mesma rede social na noite desse sábado (31). Em texto publicado na rede social, a atriz afirmou que não se intimidará e irá denunciar os ataques à Polícia Federal. "Absolutamente tudo está registrado e será enviado à polícia federal. E eu não vou apagar nenhum desses comentários", afirmou. A artista ainda disse ter vergonha de quem fez os ataques. "Faço questão que todos sintam o mesmo que senti: a vergonha de ainda ter gente covarde e pequena nesse país, além do sentimento de pena dessa gente tão pobre de espírito. Não vou me intimidar, tampouco abaixar a cabeça", escreveu. "Se a minha imagem ou a ...

    Leia mais
    Foto: Sergio Zalis/Globo

    Taís Araújo é vítima de ataques racistas na internet

    “Cabelo de esfregão”, “Já voltou pra senzala?”, “Entrou na Globo pelas cotas”, “Negra escrota”, “Parece um animal”. Essas foram algumas das mensagens deixadas na página do Facebook da atriz pelos agressores, muitos deles escondidos por trás de perfis falsos Da Revista Fórum A página da atriz Taís Araújo no Facebook foi alvo de diversos ataques racistas nos últimos dias. A maioria dos comentários deprecia a aparência da artista. “Cabelo de esfregão”, “negra escrota”, “com esse cabelo dá pra lavar a Globo inteira”, “parece um animal” foram algumas das mensagens deixadas pelos agressores, muitos deles escondidos por trás de perfis falsos. Em contrapartida, os fãs de Taís criticaram o ódio e o preconceito disseminados na rede social e defenderam a atriz como uma das maiores representantes da beleza negra no Brasil. “Continuam nos atacando porque sentem medo de perder esse monte de privilégios nojentos que têm. Aceitem e chorem porque o ...

    Leia mais

    Polícia identifica suspeito de ataques racistas contra Maria Júlia Coutinho

    Zé Paulo Cardeal / TV Globo/Divulgação A polícia identificou um adolescente de 15 anos suspeito de publicar ofensas raciais contra a jornalista Maria Júlia Coutinho, apresentadora do tempo do Jornal Nacional, da TV Globo. Segundo a Polícia Civil, o garoto mora na cidade de Carapicuíba, na Grande São Paulo. Ele foi ouvido na delegacia na segunda-feira. no ClicRBS Ele vai responder por ato infracional e pode sofrer medida socioeducativa devido às agressões que fez via Facebook. A polícia está tentando identificar outros envolvidos no caso. A investigação rastreou imagens com as mensagens ofensivas e fez buscas nas redes sociais para identificar as páginas dos envolvidos. A Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), do Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), instaurou inquérito para investigar o crime de prática de discriminação ou preconceito de raça. O caso motivou uma campanha em defesa da jornalista pelas redes sociais, ...

    Leia mais
    Página 1 de 23 1 2 23

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist