Guest Post »

Acusado de roubo, estudante africano é liberado após 14 dias na prisão

 

 

Mais um caso de preconceito racial terminou em prisão no Rio de Janeiro. Desta vez, um estudante africano foi acusado por roubar um celular de duas mulheres em um ponto de ônibus. Segundo Delmar, um estudante vindo de Guiné-Bissau, ele só parou para pedir informação.

 

 

 

Fonte: R7

Related posts