Atriz de Jogos Vorazes assume ser bissexual e deve isso a filha de Will Smith

Amandla Stenberg, mais conhecida pelo papel de Rue em Jogos Vorazes, assumiu ser bissexual em um vídeo publicado em sua rede social.

Por Diego Almeida Do Observatório do Cinema

A atriz de 17 anos diz ainda que sua saída do armário se deve ao apoio de Willow Smith, filha de Will Smith, e outras celebridades.

“É muito difícil ser silenciada e machuca profundamente lutar contra sua identidade e moldar a si própria a formas em que você não concorda. Como uma mulher negra bissexual, eu já passei por isso. Dói. É difícil e desconfortável”, desabafou.

Depois da revelação, Amandla mandou ainda um recado para todas as pessoas que estão passando pela mesma situação:

“Eu percebi que, por causa de Solange, Ava DuVernay, Willow e todas as garotas negras assistindo a este vídeo agora, que não há absolutamente nada a ser mudado. Não podemos ser sufocadas, estamos destinadas a expressar nossa alegria, nosso amor, nossas lágrimas e ser grandes e corajosas. Não importa o que estão dizendo sobre você. Aqui estou e é difícil, vulnerável e definitivamente um processo, mas estou crescendo e aprendendo”.

+ sobre o tema

Trauma e superação da violência doméstica

É impossível dizer o que ocorre no segundo do...

Halle Berry: ‘Sempre tive dificuldade em obter papéis por ser negra’

Aquela que continua a ser a única mulher negra...

Agressão a homossexuais: SP tem 25 denúncias por mês

Em seis meses, foram 153 ligações ao Disque 100...

Negra Soy: Conheça cinco mulheres artistas negras e latino-americanas

Black power, raízes latinas e o poder feminino são...

para lembrar

A poesia e a música de Vinicius de Moraes são de encanto eterno – Por: Fátima Oliveira

Vinicius de Moraes personifica bem o dito por Guimarães...

Alguns privilégios CIS

É fácil escrever sobre privilégios masculinos porque conheço as...

CNJ afasta juiz que comparou Lei Maria da Penha a ‘regras diabólicas’

Edílson Rodrigues ficará afastado por pelo menos 2 anos,...

Sarney e Maia destacaram a presença de uma mulher na Mesa diretora

A cerimônia que deu início aos trabalhos legislativos da...
spot_imgspot_img

Documentário sobre Lélia Gonzales reverencia legado da ativista

Uma das vozes mais importantes do movimento negro e feminista no país, Lélia Gonzales é tema do Projeto Memória Lélia Gonzalez: Caminhos e Reflexões Antirracistas e Antissexistas,...

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...

Lançamento do livro “A importância de uma lei integral de proteção às mulheres em situação de violência de gênero”

O caminho para a criação de uma lei geral que reconheça e responda a todas as formas de violência de gênero contra as mulheres...
-+=