Confira o que abre e o que fecha durante os jogos do Brasil na Copa

Nos dias em que a seleção brasileira de futebol jogar pela Copa do Mundo, alguns estabelecimentos privados e repartições públicas funcionarão com horário diferenciado para que os funcionários possam assistir às partidas.

 

Este é o caso dos shoppings. Segundo orientação da Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping), durante os jogos do Brasil as lojas devem fechar meia hora antes do início da partida e voltar a abrir meia hora após o final. Já as áreas de entretenimento e as praças de alimentação funcionarão normalmente.

 

O assessor jurídico do Sindilojas-SP (Sindicato dos Lojistas do Comércio de São Paulo), Luiz Francisco Toledo Leite, afirma que cada estabelecimento vai definir suas regras, mas que o comércio de São Paulo estará aberto durante os jogos.

 

“O comércio vai funcionar normalmente, mas com adaptações”, como redução no número de funcionários, diz. Leite ressalta que o movimento deve diminuir bastante no horário dos jogos.

 

Segundo a Febraban (Federação Brasileira de Bancos), os bancos terão expediente reduzido. Na próxima terça-feira (15), quando o Brasil estreia contra a Coreia do Norte, às 15h30, os bancos funcionarão das 8h às 14h. Já no dia 25, quando a seleção joga contra Portugal, o horário de funcionamento será das 8h30 às 10h30 e das 14h às 16h.

 

As agências dos Correios também terão horário especial nos dias de jogo da seleção. Na próxima terça, as agências ficam abertas das 8h30 às 15h. Já no último jogo da primeira fase, no dia 25, os correios ficarão fechados das 10h30 às 13h.

 

De acordo com a AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), a maioria dos Tribunais de Justiça do país também vai funcionar em horário especial. No TJ-Rio, por exemplo, não haverá expediente nos dias 15 e 25. Em São Paulo, no dia 15, o TJ funcionará das 9h às 14h e, no dia 25, das 14h às 19h.

 

Ponto facultativo no Rio
O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), decretou que as repartições públicas terão ponto facultativo. A decisão não se aplica, porém, a serviços emergenciais, como postos de saúde, que terão funcionamento normal.

 

Nas datas em que o Brasil entrar em campo no período da manhã, o ponto facultativo vale para todo o dia. Quando os jogos ocorrerem à tarde, os servidores municipais estarão dispensados a partir do meio-dia.

 

O governo estadual também informou que será ponto facultativo nas repartições públicas no próximo dia 15. Já para os demais jogos, ainda não há uma decisão de qual será o regime de trabalho.

Horário diferenciado em SP

O governo e a Prefeitura de São Paulo informaram que, nos dias em que serão disputados os jogos do Brasil na primeira fase da Copa, as repartições públicas funcionarão em horário diferenciado.

 

Na próxima terça-feira, o expediente se encerra às 14h. Já no dia 25, os funcionários entrarão às 14h. Já as repartições públicas que prestam serviços essenciais, como hospitais e postos de saúde, terão expediente normal.

 

Fonte: UOL

+ sobre o tema

para lembrar

UOL estreia série ‘Preto à Porter’, um resgate da realeza negra

Apesar de compor a maior parcela da população brasileira,...

Há 10 anos morria o escritor mineiro Adão Ventura, autor de ‘A cor da pele’

Escritor e professor de literatura terá o clássico A...

Filho de Will Smith: Nova versão de “Karatê Kid” lidera bilheteria nos EUA

A nova versão de "Karatê Kid" teve a melhor...

Os 150 anos da Lei do Ventre Livre

Misérrima! E ensinas ao triste menino  Que existem virtudes e...
spot_imgspot_img

Tony Tornado relembra a genialidade (e o gênio difícil) do amigo Tim Maia, homenageado pelo Prêmio da Música Brasileira

Na ausência do homenageado Tim Maia (1942-1998), ninguém melhor para representá-lo na festa do Prêmio da Música Brasileira — cuja edição 2024 acontece nesta quarta-feira (12),...

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...
-+=