Guest Post »

Consórcio ABC inicia formação regional sobre enfrentamento ao racismo

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC promoveu, nesta quinta-feira (8/8), a abertura de uma formação regional para servidores públicos sobre atendimento à população negra e enfrentamento ao racismo no ABC. O evento é organizado pelo Grupo de Trabalho (GT) Igualdade Racial da entidade regional e conta com 12 palestras semanais, sempre às quintas-feiras, até 24 de outubro.

Do Reportagem Local

Uma mão negra com o punho fechado
BR-PHOTO VIA GETTY IMAGES

O primeiro palestrante a dissertar sobre o tema foi o promotor de justiça Claudionor Mendonça dos Santos, que destacou a formação como uma iniciativa essencial para combater o racismo institucionalizado presente na sociedade brasileira.

O representante do Ministério Público afirmou que o preconceito velado fecha portas, por isso é preciso combatê-lo. Também defendeu que garantir condições de igualdade para a população negra é necessário para uma sociedade mais rica e plural.

 Mendonça dos Santos apresentou dados sobre casos de violência praticados por policiais contra a população negra. “A violência policial, somada ao racismo, provoca um verdadeiro genocídio da população negra, pois 71% dos mortos pela polícia são jovens negros, de 15 a 29 anos, moradores da periferia”, afirmou o promotor.

A herança do período escravocrata também foi citada pelo palestrante. Ele lembrou que não houve apoio público para garantir estudo e trabalho aos negros após a abolição, gerando uma marginalização que persiste até os tempos atuais.

“As pessoas não podem ter medo e fugir de policiais, pois eles são pagos por nós para garantir nossa proteção. E, na verdade, também são vítimas desse histórico e influenciados a reprimir essa população”, ressaltou Mendonça dos Santos.

O evento de abertura da formação também com uma performance do músico Jhesse Duque, que apresentou seu trabalho para o público. O secretário-executivo do Consórcio ABC, Edgard Brandão, e a coordenadora do GT Igualdade Racial, Andreia Miguel, também participaram da cerimônia.

A formação é voltada para servidores públicos municipais, membros dos Conselhos Municipais de Promoção da Igualdade Racial e para a sociedade civil.

Related posts