Em votação muito apertada, ‘Não’ ao Estatuto da Família está ganhando, contra a definição restritiva de famílias

A votação do Estatuto da Família, projeto de lei que restringe o núcleo familiar à união entre homem e mulher, foi adiada para a semana que vem. A comissão especial que aprecia a proposta começou a analisar o substitutivo apresentado pelo relator, Ronaldo Fonseca (Pros-DF), mas um pedido de vista coletivo suspendeu os debates.

Por: , do Brasil Post

O texto de Fonseca também muda o Estatuto da Criança e do Adolescente e proíbe a adoção de crianças por casais gays.

Antes de votar, a comissão especial deve levar em consideração o resultado da enquete proposta pelo site da Câmara dos Deputados, questionando se o internauta concorda com a definição restritiva de família.

Até o momento, mais de 4,4 milhões de votos já foram computados.

O “não” está vencendo por 49,99% contra 49,7% do “sim”

Por uma diferença de cerca de 13 mil votos, há mais gente que quer incluir casais LGBT nos formatos familiares possíveis do que gente que prefere restringir o conceito de família à união de homens e mulheres.

De posse desses dados, a comissão deve refletir sobre a coerência da aprovação de um texto retrógrado, que representa boa parte da população — mas não a maioria, segundo a enquete da Câmara.

O Judiciário já deu o primeiro passo para o reconhecimento da igualdade de direitos dos casais homoafetivos, a união estável e a conversão dela em casamento civil.

Inclusive, o Conselho Nacional de Justiça aproveita este fim de ano para levar adiante a campanha #MêsDaDiversidade contra qualquer tipo de preconceito e discriminação.

Agora, cabe ao Legislativo assumir seu papel e levar em consideração a opinião da população para evitar retrocessos.

Você pode fazer sua parte, falando com os deputados, ligando para o gabinete deles, mandando e-mail ou interagindo por Twitter ou Facebook.

O Brasil Post reuniu nesta lista todos os contatos dos parlamentares da comissão especial.

+ sobre o tema

STF começa a julgar nesta terça (18) supostos mandantes da morte de Marielle

O Supremo Tribunal Federal (STF) inicia, na tarde desta...

PL antiaborto viola padrões internacionais e ameaça vida, diz perita da ONU

O PL antiaborto viola padrões internacionais de direitos humanos...

Prefeitura de São José dos Campos retira obra sobre mulheres cientistas das escolas

A prefeitura de São José dos Campos (SP) recolheu...

A direita parlamentar parece ter perdido sua bússola moral

Com o objetivo de adular a extrema direita e...

para lembrar

Curitiba: Capital recebe 30 embaixadores

Depois de muitos contatos o Cônsul Geral do...

A roupa como manifestação simbólica de opiniões libertárias

Por: FÁTIMA OLIVEIRA   Da minha Escola Rural...

Varejo ainda trata mal pessoas de baixa renda

Por: Fábio Monteiro É difícil encontrar um consumidor...

Racismo, negligência e extermínio: o tripé básico do governo Bolsonaro

No Brasil, cor e classe social são fatores de...

Janja defende direito ao aborto legal, diz que projeto é ‘absurdo’ e afirma que Congresso deve garantir acesso ao SUS

A primeira-dama Rosângela da Silva, a Janja, afirmou que do projeto de lei (PL) 1904, que quer colocar um teto de 22 semanas no acesso ao...

Saiba quem são os deputados que propuseram o PL da Gravidez Infantil  

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (12), a tramitação em regime de urgência do projeto de lei que equipara aborto acima de 22 semanas...

Com PL do aborto, instituições temem mais casos de gravidez em meninas

Entre 1º de janeiro e 13 de maio deste ano, foram feitas 7.887 denúncias de estupro de vulnerável ao serviço Disque Direitos Humanos (Disque...
-+=