Enfermeira denuncia turista após ser chamada de “macaca” em hospital de Arraial do Cabo

Uma enfermeira de 38 anos foi vítima de injúria racial no Hospital Geral de Arraial do Cabo, na última quinta-feira (20). Debora da Silva Nascimento denunciou uma turista chilena que a teria chamado de “monkey, monkey, monkey”, que significa macaco em inglês.

por Bertha Muniz no Clique Diário

imagem: Geledés

Debora contou que estava no plantão da unidade de saúde, quando a turista chegou com o irmão que tinha sofrido uma queda. De acordo com a enfermeira, a turista estava muito nervosa e questionando o atendimento do hospital. Ainda segundo a vítima, a turista também teria ofendido outras enfermeiras, chamando-as de faveladas.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e compareceu ao local. A enfermeira, a turista e mais duas testemunhas prestaram depoimento na 125ª Delegacia Policial de São Pedro da Aldeia (125ª DP), que estava de plantão no dia do ocorrido. O caso será encaminhado à 132ª DP (Arraial do Cabo).

De acordo com a Polícia Civil, a turista pagou fiança e foi liberada.  A Prefeitura de Arraial do Cabo afirmou que “o hospital está acompanhando o caso e dando todo apoio para a funcionária”.

imagem- Clique Diário

Em uma rede social a enfermeira falou sobre a sensação de impunidade após o ocorrido. “Hoje sofri racismo no meu local de trabalho onde cuido de pacientes e dou o meu melhor. Saio da minha casa, deixo meus filhos venha exercer minha função, meu trabalho que tanto amo. Só esquecemos que não só lidamos com paciente que está doente, mas familiares que muitas das vezes nos ofendem. Fui ofendida por uma turista chilena que me chamou de monkey. Chamei a polícia, fui à delegacia fiz tudo que um cidadão de bem faria, só que pra minha surpresa ela pagou uma fiança e foi embora. Tenho que procurar um advogado para dar andamento ao processo pra que ela seja penalizada. Fiquei me perguntando sentada naquela cadeira onde está a justiça que tanto proferimos, o próprio delegado me disse que precisamos mudar a lei as penalidades são pequenas”,  desabafou .

+ sobre o tema

Loja retira de venda blusa infantil associada ao Holocausto

A rede espanhola Zara tirou de venda no seu...

Professor de Engenharia da Unesp é acusado de racismo

CLIPPING - IROHIN - 05/04/2009 - Fonte: O Estado de...

Especialistas da ONU pedem proteção aos direitos humanos de afrodescendentes no Canadá

Um grupo de especialistas em direitos humanos das Nações...

Modelo negra recria campanhas de moda para criticar falta de diversidade na indústria

É comum ver modelos brancas e magras em anúncios...

para lembrar

Quando o Estado mata em nome da segurança

A Anistia Internacional lança, nesta segunda (3), o relatório...

Mães de motoboys assassinados se encontram em missa em São Paulo

Família de Alexandre dos Santos, morto na semana passada,...
spot_imgspot_img

Prisão de torcedores deveria servir de exemplo para o futebol brasileiro

A condenação de três torcedores racistas na Espanha demonstra que, apesar da demora, estamos avançando em termos de uma sociedade que quer viver livre...

Futuro da gestão escolar

A educação pública precisa de muitos parceiros para funcionar. É dever do Estado e da família, com colaboração da sociedade, promover a educação de todas as...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais pobres e, mesmo assim, talvez não veja a mudança na realidade do país que se...
-+=