Guest Post »

O anúncio do HIV, 25 anos depois: Magic Johnson publica emocionante carta – leia!

Há exatos 25 anos Magic Johnson participaria de uma das entrevistas coletivas mais concorridas e emocionantes da história do basquete. Em 7 de novembro de 1991 ele anunciaria ao mundo que havia contraído o vírus do HIV.

Por Fábio Balassiano Do Uol

Na época, a desinformação vencia muita coisa. Só não venceu o sorriso de Magic, que em menos de 5 meses já estaria de volta às quadras. Passando recados, mostrando ao mundo como tratar, se prevenir e falar sobre a doença. Em quadra saudável, craque, gênio e carismático. E sorridente como sempre.

Pensei em escrever mais algumas coisas sobre isso, mas aí li um texto dele, Magic, e não tenho nem mais o que dizer. Emocionem-se também!

 

Para entender como cheguei onde estou hoje você tem que entender de onde vim. Hoje é a celebração da vida, a celebração do que algumas pessoas pensaram ser uma sentença de morte 25 anos atrás. É a celebração de algo pelo qual passei até agora.

D’s coloca desafios para que você entenda a Sua força e Seu propósito para a sua vida. A vida vai ter altos e baixos, mas é a humildade que você mostra nos bons momentos e a resiliência que apresenta nos maus momentos que fazer você ser quem você é. É a celebração desses momentos!

 

No dia 25 de junho de 1979 minha vida mudou para sempre. Foi o dia em que fui escolhido como número 1 do Draft pelo Los Angeles Lakers. Finalmente havia alcançado meu sonho de ser jogador profissional de basquete. Trabalhei muito duro na minha adolescência e nos anos de universidade para ser o melhor jogador que poderia ser e agora tudo havia valido a pena. Nos 12 anos seguintes, fui abençoado por liderar os Lakers a cinco títulos em nove finais. Pude jogar contra os melhores jogadores da história. Enfrentar Larry Bird, Dr. J, George Gervin, Michael Jordan, Isiah Thomas e outros me levou ao meu limite físico e mental.

O dia 7 de novembro de 1991 foi o da mudança da minha vida de uma forma que nunca esperei. No entanto, ao contrário da alegria que caracterizou o verão de 1979, aquele dia foi seguido de desespero. Antes disso achei que a coisa mais difícil havia sido enfrentar Michael Jordan ou Larry Bird, mas nesse dia comecei a luta da minha vida. Nesse dia comecei a ver o que D’s havia preparado para a minha vida. Minha fé me deu forças para me levantar e dizer ao mundo que havia contraído o vírus HIV. Então tive que aceitar minha nova situação, dizendo ao mundo que era uma provação diferente. No começo dos anos 90 ouvir sobre alguém com o vírus HIV/AIDS significava que não tinha muita vida pela frente. Senti que era meu dever educar o máximo de pessoas sobre a doença. Então comecei minha nova jornada de andar todo dia com o propósito de D’s. Hoje, continuo fazendo tudo que posso para levar conhecimento e educação sobre a doença para as comunidades.

magic5-287x300

Foto: Steve Dykes / Los Angeles Times

Depois do anúncio e da minha eventual aposentadoria do basquete, tive que continuar e comecei minha jornada pelo mundo dos negócios. Busquei todo mundo que pudesse me ajudar com o máximo de conhecimento para eu poder começar a Magic Johnson Enterprises (MJE). Minha missão com a MJE foi simples – erguer e causar impacto nas comunidades desassistidas levando serviços de qualidade para a vizinhança. Em negócios feitos nos últimos 20 anos, fui capaz de fazer isso. Mais importante, a MJE ajudou no crescimento das comunidades urbanas e levou esperança.

Fui forçado a repensar minha vida e ajustar. Foi vital me adaptar à mudança de vida de jogador da NBA para porta-voz do HIV/AIDS e homem de negócios. Seja por necessidade ou desejo, mudar é inevitável. Acreditar em Deus e aceitar Seu plano para a minha vida são grandes partes do motivo de eu estar aqui hoje. Meu crescimento e desenvolvimento como pessoa e homem de negócios me transformaram nos últimos 25 anos.

Sou muito agradecido por todo o incrível apoio da minha mulher, Cookie, dos meus filhos, Andre, EJ e Elisa, dos meus netos, Gigi e Avery, dos meus pais, Earvin Sr. e Christine, assim como meus irmãos, Michael, Quincy, Mary, Larry, Lois, Pearl, Kim, Yvonne e Evelyn.

Obrigado a todos que encorajaram todos os passos, sou muito agradecido pela minha vida e vou celebrá-la todos os dias. A vida é um presente e agradeço a Deus por me abençoar nesses 25 anos.

Espero continuar essa jornada…

São meus votos sinceros. Magic Johnson”

Related posts