quarta-feira, agosto 17, 2022
InícioQuestões de GêneroSecretarias se unem para atuar em atenção à saúde da mulher

Secretarias se unem para atuar em atenção à saúde da mulher

A Secretaria Estadual da Mulher (SecMulher) e a Secretaria Estadual de Saúde (SES) assinarão Termo de Cooperação Técnico Operacional para atuarem em parceria no Desenvolvimento do Plano Intersetorial de Atenção Integral à Saúde da Mulher no Estado de Pernambuco. A parceria será firmada entre a Secretária da Mulher do Governo de Pernambuco, Cristina Buarque, e o Secretário Estadual de Saúde, Antônio Figueira, em ato, nesta quarta-feira (1º), às 9h, no prédio da SES, bairro do Bongi.

O Plano Intersetorial constitui-se num instrumento de orientação para as estratégias de integração das ações da SecMulher e SES até o ano de 2014, voltadas para a melhoria da qualidade de vida das mulheres em Pernambuco. Entre os objetivos estão implementar as ações do Plano Estadual de Prioridades para o Enfrentamento à Feminização da Epidemia de Aids e outras DST em Pernambuco; fomentar estratégias de atenção à saúde da mulher vítima de violência doméstica e sexual; garantir atenção a saúde da mulher negra, em especial no tratamento da doença falciforme, alteração genética que afeta os glóbulos vermelhos.

Serão beneficiadas através do Plano as mulheres em idade fértil, sejam do meio urbano ou rural. Na saúde da população rural serão beneficiadas 4.500 mulheres de 53 municípios do Programa Chapéu de Palha da Zona Canavieira (Mata Norte e Sul, Região Metropolitana do Recife, Agreste Central e Setentrional); mais de 8 mil mulheres do Chapéu de Palha da Fruticultura Irrigada de 07 municípios do Sertão do São Francisco e da região de Itaparica; cerca de 3 mil mulheres de 57 municípios do Chapéu de Palha da Pesca Artesanal; mais de 100 mandiocultoras da região da Bacia do Goitá (Lagoa de Itaenga, Glória do Goitá e Feira Nova). Mais de 80 pescadoras do litoral Norte (Itamaracá, Itapissuma, Igarassu e Goiana) receberão atendimento nas áreas de saúde bucal e operacional.

 

 

Fonte: Jornal Extra

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench