Guest Post »

Turista é presa após cometer injúria racial contra gerente de bar em Aracaju

Segundo delegado, ela também agrediu fisicamente e ameaçou um garçom.

No G1

Imagem: Geledés

Uma turista da Bahia foi presa após cometer um crime de injúria racial contra o gerente de um bar na Passarela do Caranguejo, em Aracaju, na madrugada desta sexta-feira (3).

Segundo o delegado, Leógenes Correa, a polícia foi acionada após a mulher xingar e agredir fisicamente um garçom. “No momento em que os policiais se aproximaram da mulher juntamente com o gerente do estabelecimento para conter a confusão ela xingou o gerente de ‘sergipano de merda’, cometendo o crime de injúria racial”, disse.

Ainda de acordo com ele, a confusão teria iniciado após o garçom se recursar a fazer uma operação de crédito. “Ela queria passar o cartão e receber o valor em dinheiro. Como não conseguiu deu um tapa no garçom e disse que se ele estivesse na Bahia estaria morto”, completou o delegado.

A mulher foi detida e levada para a Central de Flagrantes e posteriormente para a Delegacia Plantonista, de onde foi liberada após o pagamento de uma fiança no valor de R$ 1 mil. Ela vai responder em liberdade pelo crime de injúria racial, por ameaça e vias de fato.

Related posts