Guest Post »

5 mulheres falam sobre a vida depois do aborto

“A discussão sobre o aborto nos Estados Unidos é tão grande e tão inflamada, mas poucas mulheres que fizeram aborto são acrescentadas ao debate”, disse a fotógrafa Allison Joyce recentemente ao The Huffington Post.

Por Alanna Vagianos Do BrasilPost

Joyce decidiu mudar essa situação com a série de fotos Abortion, After the Decision (Aborto, Depois da Decisão, em tradução livre), que conta com retratos de cinco americanas falando sobre suas histórias de aborto.

Apesar de publicado em 2013, a série ainda é relevante diante de uma recente decisão da Suprema Corte que tem o potencial de fechar quase todas as clínicas de aborto no Estado do Texas.“Achei importante ouvir as mulheres falando sobre as razões pelas quais decidiram terminar a gravidez e como elas se sentiam a respeito da decisão”, disse Joyce ao The Huffington Post.

Uma em cada três mulheres americanas vai fazer aborto em algum ponto de suas vidas, mas infelizmente a decisão de terminar a gravidez ainda é estigmatizada.

“Isso significa que, estatisticamente, todo mundo conhece alguém que teve de tomar essa decisão”, disse Joyce. “Pode ser sua mãe, sua irmã, sua amiga, professora ou vizinha.”

Ao compartilhar suas histórias sobre aborto, as mulheres podem ajudar a acabar com esse estigma. “Acho importante humanizar o assunto e levá-lo além da discussão política, das estatísticas e das manchetes”, disse Joyce. “Falando abertamente e entendendo como e por que as mulheres chegam a essa decisão pode ajudar a tirar o estigma da conversa.”

Veja abaixo as histórias dessas cinco mulheres.

Lisa

slide_484232_6646300_free

Lisa, 27, é gerente de restaurante e posou para o retrato em sua casa, no Estado de Massachusetts, em 11 de outubro de 2012. Lisa diz que tinha 24 anos quando engravidou e fez um aborto.

“Sem arrependimentos. Você nunca pensa como vai se sentir na hora. Quando fiz, foi bastante simples… A decisão não foi difícil nem antes nem depois. Quer dizer, tive algumas dificuldades.

Achei que ficaria pensando como seria se tivesse um filho, mas não penso nisso. Não tento pensar nisso. Também não tento não pensar. Simplesmente não penso.”

Leia o resto da história de Lisa aqui.

Jennifer

slide_484232_6646302_free

Jennifer, uma enfermeira de 23 anos, posou para os retratos em sua casa, em Nova York, em 5 de janeiro de 2013. Jennifer tinha 17 anos quando fez um aborto.

“Eu era contra o aborto. Era mesmo. Minha mãe teve tantos problemas com gravidez que não queria fazer… Mas, ao mesmo tempo, era só ela.Meu pai estava preso, então sabia que ele ficaria super duper decepcionado comigo. E minha mãe falava tipo: ‘Você sabe que se engravidar vai sair daqui, porque já é crescida’. Depois disso, decidi em dois meses. Chorei depois do procedimento. Chorei assim que acordei. Chorei, chorei.

Uma mulher do meu lado me perguntou quantos anos eu tinha, e eu disse 17. Ela disse: ‘Você fez a coisa certa. Você fez a coisa certa porque é jovem demais. Você tem a vida inteira pela frente.”

Leia o resto da história de Jennifer aqui.

Aiyana

slide_484232_6646304_free

Aiyana, uma artista de 22 anos, posou em sua casa, em Nova York, em 21 de setembro de 2012. Aiyana disse que tinha 20 anos quando abortou.

“Com certeza foi muito recompensador de algumas maneiras. Pelo menos sei que amigos e conhecidos têm alguém com quem conversar, alguém para dar conselhos. Obviamente é uma coisa privada. Mas, se você se sente à vontade para falar, acho importante vocalizar. Acho que ajuda a tirar o estigma associado ao aborto.”

Leia o resto da história de Aiyana aqui.

Lisa

slide_484232_6646306_free

Lisa, uma escritora de 45 anos, posou para os retratos em sua casa, em Massachusetts, em 13 de outubro de 2012. Lisa disse que engravidou e fez dois abortos quando tinha 30 e poucos anos.

“Me arrependo das escolhas que fiz em relação aos homens… Mas não dá para voltar no tempo. Mas não me arrependo dos abortos. Foi a decisão certa nos dois casos, e teve a ver com os homens.”

Leia o resto da história de Lisa aqui.

Leigh

slide_484232_6646308_free

Leigh, 26 anos, trabalha num bar. Ela posou para os retratos em sua casa, na Pensilvânia, em 24 de setembro de 2012. Leigh diz que tinha 21 anos quando fez o aborto.

“Não foi fácil. Tive de usar toda minha força interior para conseguir, mas sabia que era a decisão certa. Sei que era a decisão certa. Nunca tive dúvidas. Não me arrependo, mas não sei se conseguiria fazer de novo. Acho que estava quase completando 22 anos… Teria um filho de quatro anos e meio agora.”

Leia o resto da história de Leigh aqui.

Artigos relacionados