Ativista do Black Lives Matter anuncia pré-candidatura à Prefeitura de Baltimore

DeRay Mckesson é um dos 13 pré-candidatos ao posto pelo partido Democrata; cidade teve fortes protestos por violência policial contra pessoas negras em 2015

no Opera Mundi

O ativista do movimento Black Lives Matter (Vidas Negras Importam, em tradução livre) DeRay Mckesson anunciou nesta quarta-feira (03/02) sua pré-candidatura pelo partido Democrata à prefeitura da cidade de Baltimore, na costa leste dos Estados Unidos.

“Eu não sou a solução para os desafios da nossa cidade — nenhum indivíduo sozinho o é. Mas juntos, com as ideias certas, a paixão certa, as pessoas certas, poderemos levar nossa cidade para uma nova direção”, escreveu Mckesson em seu blog no site Medium, onde anunciou a candidatura.

O ativista também é um dos organizadores da iniciativa Campaign Zero (Campanha Zero) que luta pelo fim da violência policial nos EUA. Mckesson participou das manifestações que ocorreram em Ferguson, no Estado do Missouri, contra o assassinato do jovem negro Michael Brown por policiais.

Ele também participou dos protestos em sua cidade natal contra a morte de Freddie Gray, outro jovem negro que foi detido por suposta posse de armas e morto enquanto estava sob custódia da polícia da cidade. Após o episódio, o chefe de polícia de Baltimore foi demitido e seis oficiais estão sob julgamento.

“É verdade, não sou um candidato tradicional. Sou um ativista, ex-professor e administrador distrital que entende intimamente o quão emaranhados estão nossos desafios e nossas soluções. Eu sou um filho de Baltimore”, escreveu Mckesson

Screen Shot 2016-02-05 at 10.19.50 AM

Baltimore é uma cidade com pouco mais de 620 mil habitantes com forte tradição democrata e o candidato do partido tende a vencer as eleições gerais para a Prefeitura. A votação para decidir quem será o candidato ou a candidata democrata acontecerá no dia 26 de abril. Entre os 13 candidatos que disputam a vaga pelo partido estão a ex-prefeita Sheila Dixon e a senadora do estado de Maryland, Catherine E. Pugh. A atual prefeita, Stephanie Rawlings-Blake, também democrata, não irá tentar a reeleição.

+ sobre o tema

Voto feminino faz 92 anos; ação de ativista alagoana marca luta

Homens observam uma mulher diante da urna. Ela, vestida...

Como as escolas de samba nos ensinam sobre ancestralidade

Desde que foram criadas, escolas de samba têm sido...

Esperança de justiça une mães de vítimas da violência policial no Rio

A longa espera por justiça é uma realidade presente...

para lembrar

spot_imgspot_img

Um guia para entender o Holocausto e por que ele é lembrado em 27 de janeiro

O Holocausto foi um período da história na época da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), quando milhões de judeus foram assassinados por serem quem eram. Os assassinatos foram...

Caso Marielle: mandante da morte de vereadora teria foro privilegiado; entenda

O acordo de delação premiada do ex-policial militar Ronnie Lessa, acusado de ser o autor dos disparos contra a vereadora Marielle Franco (PSOL), não ocorreu do dia...

Pacto em torno do Império da Lei

Uma policial militar assiste, absolutamente passiva, a um homem armado (depois identificado como investigador) perseguir e ameaçar um jovem negro na saída de uma...
-+=