Berlim: Protesto contra a escolha de Marco Feliciano como Presidente da CDHM

O protesto em Berlim contra a escolha do presidente da Comissão de Direitos Humanos do Brasil, Marco Feliciano, ocorreu no sábado entre as 15h às 16:30h na temperatura de 6 graus negativos.
 
A menifestação contou com a presença de aproximadamente 80 pessoas, entre brasileir@s, alemães e outras de diversas nacionalidades. O local escolhido foi o Portão de Brandemburgo, tanto por sua importância histórica, como pela grande movimentação de turistas do mundo todo.
 
O objetivo do protesto foi divulgar, em nível internacional, o repúdio à eleição do Deputado Pastor Marco Feliciano à Prêsidencia da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM). Além disso, mostrar a indignação contra outros temas que ferem os Direitos Humanos, acontecidos nas últimas semanas no Brasil.

 

O ato foi realizado coletivamente por pessoas que residem em Berlim e contou com o apoio do KoBra (Kooperation Brasilien) e do Coletivo Sabiá.
 
Vale ressaltar que, a escolha do pastor Marco Feliciano tem enfrentado vários protestos nas redes sociais, em quase todo o Brasil e agora também em outros países, tornando assim insustentável a permanência de Feliciano, que já se mostrou racista, machista e homofóbico, na presidência de uma Comissão tão importante. 
 
Abaixo algumas fotos do protesto. Os créditos são de Clarisse Canela e Cao Pessoa.
 
{gallery}2013/marco/berlim{/gallery}

Veja também:

 

Fonte: Nossos Tons

+ sobre o tema

Presidenta da Funai toma posse prometendo reconstrução

Numa cerimônia marcada pela emoção e por discursos fortes,...

Comissão debate enfrentamento ao racismo na primeira infância

A Comissão de Direitos Humanos, Minorias e Igualdade Racial...

Esperança de justiça une mães de vítimas da violência policial no Rio

A longa espera por justiça é uma realidade presente...

para lembrar

Mortes violentas crescem no Nordeste

A proporção de mortes violentas no Brasil apresentou uma...

Anistia Internacional quer mundo de olho no Brasil em protestos durante Copa

Jefferson Puff A Anistia Internacional lançou nesta quinta-feira uma campanha...

Direitos Humanos para bandido?

A Justiça e o Estado devem garantir os direitos...
spot_imgspot_img

Debate na ONU sobre a nova declaração de direitos da população afrodescendente conta com a presença de Geledés

Geledés - Instituto da Mulher Negra esteve presente na sede das Nações Unidas em Genebra, na Suíça, durante os dias 8 e 9 de...

Google celebra James Baldwin, escritor e ativista dos direitos civis

O Google está prestando uma homenagem a James Baldwin, renomado escritor e ativista dos direitos civis americanos, conhecido por suas obras literárias que abordam temas...

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 4

A Caixa Econômica Federal paga nesta terça-feira (23) a parcela de janeiro do novo Bolsa Família aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS)...
-+=