Comunidade quilombola é resgatada de enchente em Alagoas

Por: Carlos Madeiro

 

A Defesa Civil de Alagoas encontrou na tarde desta quarta-feira (23) a comunidade quilombola do povoado de Muquém, com cerca de 50 pessoas, que foi dada como desaparecida desde sábado em União dos Palmares. Os moradores, que tiveram suas casas destruídas, estavam na região a próxima onde moravam. Ninguém se feriu.

“Eles passaram a noite de sexta-feira e manhã de sábado em cima de duas jaqueiras, porque não tinham mesmo onde se abrigar no local. Eles estavam sem comida e sem água, isolados por terra. Levamos mantimentos para eles. Como a comunidade é isolada, e ficava à beira do rio, todos da cidade deram eles como desaparecidos”, afirmou o secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Alex Gama.

 

Nesta tarde, a Defesa Civil divulgou um novo boletim com dados sobre os estragos das enchentes e informou que já são 28 cidades atingidas pelas enchentes no Estado. O total de mortos, incluídos os de Pernambuco, é de 45. Foram incluídos na lista os municípios de Ibateguara e Campestre.

 

O número de mortos no Estado (29) e desaparecidos (607) permaneceram inalterados em relação ao último boletim, divulgado na noite desta terça-feira. Os números de desabrigados e desalojados chegou a 74.515 nesta quarta. Já a quantidade de pessoas afetadas pelas enchentes saltou para 181.020.

 

Operações de resgate
Segundo o Corpo de Bombeiros, as ações se dividem em atendimento aos desabrigados, entrega de donativos e busca por corpos. “Estamos tentando fazer essa localização por meio de um helicóptero e, ao encontrarmos, usamos cães farejadores para nos auxiliar na localização exata”, informou o major Carlos Burity, que coordena as operações de busca, que se concentraram na região do Vale do Mundaú, com o maior número de desaparecidos.

 

Cerca de 500 homens do Corpo de Bombeiros e 200 do Exército participam das operações, que contam também com o apoio de militares de Sergipe, São Paulo e Rio de Janeiro e de integrantes da Aeronáutica e Marinha.

 

Segundo a Defesa Civil, a maior dificuldade é conseguir caminhões para entrega dos donativos. Por isso, há um apelo para que empresários alagoanos cedam veículos para ajudar nas ações. Até o momento, já foram distribuídas 5.200 cestas básicas.

 

Muitas cidades permanecem sem fornecimento de água potável e energia elétrica. A Eletrobras informou que quatro municípios estão às escuras. A previsão é que até o dia 25 todos sejam religados, pelo menos parcialmente. Já a Companhia de Saneamento de Alagoas disse que oito cidades ainda possuem problemas no abastecimento e só são atendidas por meio de carros-pipa.

 

 

Fonte: UOL

+ sobre o tema

AFROPUNK Bahia anuncia programação completa da sua primeira edição, marcada para 27 de novembro

Direto de Salvador, o AFROPUNK Bahia faz a sua estreia fomentando...

Angola celebra 56 anos da independência e início da disputa eleitoral

Angola comemorou no último fim de semana o início...

Veja Andre 3000, do OutKast, interpretando Jimi Hendrix no primeiro vídeo de All Is By My Side

Rapper interpreta lendário guitarrista em cinebiografia dirigida por roteirista...

para lembrar

A utopia de Jaden Smith é viver em um mundo sem distinção de gênero

"Eu sinto que as pessoas estão meio confusas sobre...

Adriana Lessa completa 40 anos em nova fase

 Nascida no dia 1º de fevereiro de 1971, não...

‘Jornal das 10’ com Heraldo Pereira estreia nesta segunda-feira

Após saída de Renata Lo Prete, programa da GloboNews...
spot_imgspot_img

Ícone da percussão, Naná Vasconcelos ganha mostra no Itaú Cultural

O Itaú Cultural, localizado na avenida Paulista, em São Paulo, abre nesta quarta-feira (17) a Ocupação Naná Vasconcelos, em homenagem ao músico pernambucano falecido em 2016. A mostra é...

Gilberto Gil afirma que não se aposentará totalmente dos palcos: “continuo querendo eventualmente cantar”

No fim de junho, saiu a notícia de que Gilberto Gil estava planejando sua aposentadoria dos palcos. Segundo o Estadão, como confirmado pela assessoria do...

Majestosa, Lauryn Hill entrega show intenso e coroa história da Chic Show

"Não é só um baile black", gritou Criolo durante o terceiro show do festival Chic Show 50 Anos, no sábado (12). O rapper do...
-+=