Nota de repudio para com a direção da UNE e organizadores da 9ª bienal cultural da entidade que está sendo realizada no Rio de Janeiro

Nelsinho Moralle, um dos mais importantes líderes quilombolas do Brasil foi hostilizado pelos dirigentes da União dos Estudantes Universitários-UNE durante a   9º Bienal da União dos Estudantes Universitários, que aconteceu  de 01 a 06 de fevereiro, nos Arcos da LAPA, Rio de Janeiro.

No Cada Minuto 

Tema da Bienal da UNE ? As vozes do Brasil se encontram no Rio.

Com a palavra Nelsinho:  

NOTA DE REPUDIO PARA COM A DIREÇÃO DA UNE E ORGANIZADORES DA 9ª BIENAL CULTURAL DA ENTIDADE QUE ESTA SENDO REALIZADA NO RIO DE JANEIRO

Nelsinho Quilombola Moralle é uma liderança nacional quilombola, nascido no Quilombo Do Carmo São Roque SP, cantor compositor, musico, arranjador, autor de trilhas sonoras para cinema e teatro, ator e diretor de cinema e teatro e hoje estudante de graduação em Direito na UFRJ.

Ao ler o edital da 9ª Bienal de UNE Nelsinho se inscreveu para a mostra de musica onde os organizadores alertavam e lamentavam não poder ofertar cachê aos selecionados visto que a entidade tinha PARCOS recursos para organizar o evento. e a organização pedia a colaboração dos artistas.

Porém quando saiu a programação oficial nomes conhecidos do mercado musical foram contratados para shows e com o direito de exercer nossa cidadania fomos buscar informações e tivemos acesso que os cachês dos artistas variavam entre R$ 80,000,00 o mais barato e R$ 200.000,00 o de maior valor.

Na véspera da apresentação de Nelsinho Moralle questionamos a dinâmica SOCIALISTA dos valores contraditórios entre o NADA ofertado aos selecionados para a mostra e os CACHÊS astronômicos ofertados a ARLINDO CRUZ, PITY, ALCEU VALENÇA, CIDADE NEGRA E CRIOLO e a resposta da UNE foi “OS ARTISTAS CONTRATADOS TEM VALOR DE MERCADO E OS SELECIONADOS TEM APENAS VALOR ARTÍSTICO, portanto não há interesse da entidade pagar cachê. Nelsinho em respeito a seu público não hesitou e comparecer e REALIZAR seu show inclusive com convidados, pagando as despesas com seus próprios recursos. No final de show Nelsinho Moralle agradeceu a presença de seu público e fez uma crítica CONSTRUTIVA e solicitou a direção da UNE que reservasse um percentual de recursos para ofertar a músicos que não tenham o TAL VALOR DE MERCADO a título de incentivo.

Ao sair do palco foi abordado por alguns dos diretores da UNE que disseram que não gostaram de sua fala, dizendo que quem dá as diretrizes da organização é própria direção da UNE e que não comungam com PALPITEIROS. Nelsinho lamentou a posição da UNE, mas deixou claro sua indignação. Ao se dirigir ao camarim do palco principal junto com seu técnico de som Thiago Rosa, onde pretendia dar um abraço em Alceu Valença Nelsinho Moralle foi abordado por seguranças que veio retira-lo do espaço e quando ele disse que tinha credencial para permanecer no espaço alguns dos diretores da UNE presentes disseram ‘TIREM ELES DAQUI NEM QUE SEJA PRECISO USAR DE REFORÇO POLICIAL! Iisso mesmo A UNE PEDINDO REFORÇO POLICIAL enfim Nelsinho Moralle e Thiago Rosa saíram, pois não queriam confusão, mas fica o nosso repúdio a esse episódio LAMENTÁVEL PROTAGONIZADO PELA DIREÇÃO ATUAL DA UNE.

Assinam a nota

ASSOCIAÇÃO DOS REMANESCENTES DO QUILOMBO DO CARMO

FRENTE NACIONAL EM DEFESA DOS TERRITÓRIOS QUILOMBOLAS

VIA CAMPESINA FRANCESA

PARTIDO VERDE FRANCÊS

ASSOCIAÇÃO DE MULHERES MUÇULMANAS DO BRASIL

WALESKA VILTAL – REPÓRTERES SEM FRONTEIRAS

+ sobre o tema

Comunidade quilombola de Cairu (BA) é ameaçada por fazendeiro

Batateira, quilombo situado numa ilha no município de...

Quilombolas poderão comercializar produtos com nota fiscal

Quilombolas do estado do Espírito Santo, certificados pela Fundação...

Fundo Rotativo Solidário beneficiará empreendedores do Fórum da Economia do Negro de Fortaleza (CE)

Por: Karol Assunção   Adital – Empreendedores/as da capital cearense organizados...

para lembrar

Edital seleciona consultoria em ‘Políticas de saúde para comunidades quilombolas’

As inscrições podem ser feitas até 28/07, pelo endereço...

Numa canetada, o recuo de 15 anos na política de terras quilombolas

Desde 2004, o DEM, partido agora responsável pela demarcação,...

Jovem quilombola da Paraíba vence concurso nacional de fotografia

O pôr do sol do Sertão paraibano ganhou destaque...

Defensoria recomenda ao general Heleno revogar ato contra quilombolas

A DPU (Defensoria Pública da União) recomendou ao ministro-chefe...
spot_imgspot_img

MP-BA oferece denúncia contra cinco homens por envolvimento na morte de Mãe Bernadete

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou cinco homens pelo assassinato da ialorixá e líder quilombola Bernadete Pacífico. A informação foi divulgada pelo órgão nesta quinta-feira...

Herdeiro de Mãe Bernadete vai contratar perícia particular para investigar assassinato

A família da líder quilombola Bernadete Pacífico, que foi assassinada a tiros em agosto deste ano, irá contratar peritos particulares para revisar todo o trabalho de...

Nota de repúdio: José Alberto(Doka), liderança quilombola do Maranhão é assassinado dentro do seu território nesta sexta-feira(27)

No dia 27 de Outubro de 2023, por volta das 18h, José Alberto Moreno Mendes, liderança quilombola do Maranhão, foi brutalmente assassinado com disparos...
-+=