Guest Post »

Artistas gravam vídeos em que leem cartas de crianças da Maré com relatos de violência

O Movimento 342 lança nesta segunda-feira uma série de vídeos nos quais personalidades leem cartas escritas por crianças da Maré com relatos do cotidiano de violência na comunidade, conforme antecipou jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo. Ao todo, a atriz Deborah Bloch, o ator Fabio Assunção e outras 13 pessoas participam do projeto.

Do Extra 

Atriz Juliana Alves é uma das participantes do projeto Foto: 342 / Reprodução/Extra 

O lançamento da iniciativa acontece três dias após a menina Ágatha Felix, de 8 anos, ser baleada no Complexo do Alemão. Entre os participantes do projeto está Monica Benício, viúva de Marielle Franco. Realizado pela ONG Redes da Maré em sua fase inicial, o trabalho resultou em 1500 cartas escritas por crianças e moradores da comunidade da Zona Norte do Rio e esteve no centro de uma polêmica em agosto.

Naquela ocasião, as cartas foram encaminhadas ao Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) em um pedido de regulamentação do horário de realização das operações policiais na Maré. À época, o presidente do TJ-RJ , Claudio de Mello Tavares, questionou a veracidade dos textos. No mês seguinte, o mesmo desembargador assinou uma liminar (cassada depois pelo Supremo Tribunal Federal) que proibia a venda de uma história em quadrinhos na Bienal do Livro por conta da imagem de um beijo entre dois personagens do mesmo sexo.

Related posts