Estrelas da NBA elevam voz contra violência e racismo

As estrelas da NBA Carmelo Anthony, Chris Paul, Dwyane Wade e LeBron James levantaram a voz nesta quarta-feira contra a violência e o racismo nos Estados Unidos, durante a entrega dos prêmios ESPY aos atletas.

no UOL

“Não podemos ignorar a realidade do que está ocorrendo agora nos Estados Unidos. Os acontecimentos das últimas semanas demonstraram a injustiça, a desconfiança e a ira que afeta tantos”, disse Anthony, estrela do New York Knicks, durante a cerimônia da ESPN.

“O sistema está quebrado, os problemas não são novos, a violência não é um fenômeno novo, a divisão racial, definitivamente, não é algo novo, mas nunca foi tão urgente mudar as coisas”, assinalou Anthony.

As mortes de dois afro-americanos na semana passada em ações policiais, e o ataque de um atirador negro que liquidou cinco agentes brancos da polícia de Dallas sacudiram o país.

“Lendas como Jesse Owens, Jackie Robinson, Muhammad Ali, John Carlos, Tommie Smith, Kareem Abdul-Jabbar, Jim Brown, Billie Jean King, Arthur Ashe e muitos outros (atletas) tem provado o exemplo que o esporte pode dar, e optamos por seguir estes passos”, disse Paul, armador do Los Angeles Clippers.

“Isto tem que parar. Como esportistas devemos fazer mais do que já fazemos (…), nem sempre será fácil, mas é preciso”, declarou Wade, que passou recentemente ao Chicago Bulls.

“Vamos aproveitar o que está ocorrendo neste momento para chamar todos os atletas profissionais a agir, fazer ouvir suas vozes, sua influência contra todas as formas de violência…”, assinalou James, o astro do atual campeão da NBA, Cleveland Cavaliers.

+ sobre o tema

Deputados criticam criminalização do candomblé em debate na Câmara

A Câmara dos Deputados celebra, nesta terça-feira (21), o Dia...

Amarildo, jamais te esqueceremos! A Criminalização da pobreza

A polícia protege o patrimônio do grande capital...

Da negritude: reflexo e reflexão

“cada criatura humana traz duas almas consigo; uma que...

Ator de “Velozes” diz que Chris Rock deveria desistir de apresentar o Oscar

A polêmica sobre a ausência de atores negros nas...

para lembrar

spot_imgspot_img

Prisão de torcedores deveria servir de exemplo para o futebol brasileiro

A condenação de três torcedores racistas na Espanha demonstra que, apesar da demora, estamos avançando em termos de uma sociedade que quer viver livre...

Futuro da gestão escolar

A educação pública precisa de muitos parceiros para funcionar. É dever do Estado e da família, com colaboração da sociedade, promover a educação de todas as...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais pobres e, mesmo assim, talvez não veja a mudança na realidade do país que se...
-+=