Uma aula de inclusão racial com um menino de 10 anos

“É importante mostrar a realidade a partir do ponto de vista do próprio negro”. Menino de dez anos surpreende e dá aula sobre inclusão e integração racial

O Projeto Leituraço, realizado desde o último dia 3 pela Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, propôs maior reflexão para a sociedade a respeito de suas raízes, neste mês em que se comemora o Dia da Consciência Negra (20) em alguns municípios. Até amanhã (14), quando termina o projeto, 800 mil alunos de 1.462 escolas de educação infantil e de ensinos fundamental e médio terão realizado leituras simultâneas de obras africanas e afro-brasileiras.

A reportagem da TVT, em visita ao CEU Vila Curuçá, na zona leste da cidade, conversou com Gustavo Gomes da Silva, de 10 anos, que deu uma aula sobre cidadania. Veloz e consciente nos argumentos, o garoto da 5ª série do fundamental, falou sobre a importância de se conhecer a cultura afrobrasileira para combater o racismo.

“Se eu sou mesmo afrodescendente, eu quero saber as histórias da África, porque mesmo que não apareça a moral, como nas fábulas, elas têm uma moral escondida que você aprende.” Para Gustavo, os heróis negros desses contos ajudam as pessoas a respeitar os outros, ensinam que ninguém vive sozinho, isolado. “São todos em conjunto para combater o preconceito, a fome.”

Gustavo defende o debate proposto pelo Leituraço, já que “sempre haverá alguém racista”. “É importante mostrar a realidade a partir do ponto de vista do próprio negro”, defendeu.

Vídeo:

 

Fonte: Pragmatismo Político

+ sobre o tema

Governo, organizações e quilombolas se unem em defesa do Decreto n°4887/2003

Por Daiane Souza Quilombolas, órgãos públicos e instituições de todo...

Quilombolas deixam sede do Incra após passarem noite no local

Órgão se comprometeu a retomar diálogo sobre desapropriações no...

Seminário Educação 2011 marca o Ano Internacional do Afrodescendente

Evento com quase 3 mil inscritos vai até quarta-feira...

Consciência Negra programação Mato Grosso do Sul 2011

05/11 Feira da Agricultura Familiar de Furnas dos...

para lembrar

Imprensa e cidadania em São Tomé e Príncipe (1911-1925)

Em 10 de julho de 1911, no primeiro número...

‘Minha aluna desmaiou de fome’: professores denunciam crise urgente nas escolas brasileiras

"Essa aluna chegou bem atrasada. Ela bateu na porta...

A Diversidade Linguística Africana

Quantos tipos de língua você fala? Quantas você conhece?...
spot_imgspot_img

Geledés e Alana lançam pesquisa sobre municípios que colocam a Lei 10.639/03 em prática

Em Diadema (SP), após um ano de implementação da Lei 10.639/03, que há 20 anos alterou a LDB e instituiu a obrigatoriedade do ensino da história e...

Progressão escolar amplia desigualdade racial, diz estudo

No começo da escolarização básica, alunos negros e brancos partem de condições desiguais. No final dela, estão ainda mais distantes. É o que indica...

Perseverança: uma resposta de professoras negras

Externato Perseverança Fundado em 5 de março de 1860 É o estabelecimento de ensino mais antigo desta cidade. Até 1878 estava organizado com as proporções de...
-+=