Com 10 exibições que abordam a luta antirracista, Mostra do Cinema Negro tem sessões a partir de 4 de abril em Presidente Prudente

Enviado por / FonteG1

Sessões gratuitas se estendem até o dia 23 de maio e ingressos devem ser reservados.

O Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) promove, entre os dias 4 de abril e 23 de maio, uma programação com dez filmes que celebram o cinema negro e fortalece a importância da conscientização para a luta antirracista, em Presidente Prudente (SP). As produções exibidas integram a 19ª Mostra Internacional do Cinema Negro (MICINE).

O festival tem o tema “D’África à diáspora: o pensamento antirracista de Kabengele Munanga”, em homenagem ao professor e antropólogo, conhecido por seu trabalho pioneiro no estudo do racismo no Brasil.

A mostra também serve como uma oportunidade para dialogar sobre os impactos dos 20 anos da Lei 10.639/2003, que torna obrigatório o ensino da história da África e da cultura afro-brasileira no Brasil.

“É com muita satisfação que abrimos nossos espaços para a Mostra Internacional do Cinema Negro, pelo segundo ano consecutivo. Assim como este projeto, todas as iniciativas desenvolvidas pelo Sesi-SP ou que atuamos como parceiros e apoiadores visam à formação de novos públicos em artes, democratizam e expandem o acesso à cultura, além de incentivar a produção e a difusão de obras das mais variadas vertentes artísticas”, reforçou a gerente executiva de Cultura do Sesi-SP, Debora Viana.

Com criação e curadoria do professor Celso Luiz Prudente, o Sesi-SP participa, pela segunda vez, da Mostra Internacional do Cinema Negro (MICINE), que chegou a 19ª edição em 2023.

Durante os encontros, idealizados com a perspectiva de ser um projeto acadêmico e cultural que reforçou o respeito à diversidade e à inclusão, foram realizadas diversas atividades que celebraram, principalmente, o cinema negro.

A programação de filmes contemplou longas e curtas-metragens que foram exibidos no Centro Cultural Fiesp e uma série de palestras, painéis, mesas-redondas e homenagens.

Programação

Com início nesta quinta-feira (4), a programação do evento conta com dez exibições. Veja o cronograma:

4 de abril

  • O filme exibido às 19h será “Awurê na Bahia – A rota do samba de roda”, com classificação livre;

11 de abril

  • Serão exibidos às 19h30 os filmes “Mimbó” e “Caminhos Afrodiaspóricos pelo Recôncavo da Guanabara”, também de classificação livre;

18 de abril

  • O filme exibido às 19h30 será “Cidade Correria”, com classificação indicativa de 12 anos;

25 de abril

  • Os filmes exibidos às 19h30 serão “Kabengele: O griô antirracista” e “Enití Lànà – Aquele que abre caminho na Bahia – A rota do samba de roda”, com classificação livre;

2 de maio

  • Às 19h30, o filme exibido será “A mãe de todas as lutas”, com classificação indicativa de 14 anos;

9 de maio

  • O filme exibido às 19h30 será “Vivendo no limite”, com classificação indicativa de 12 anos;

16 de maio

  • Às 19h30, o filme exibido será “Memórias Afro-Atlânticas”, de classificação livre; e

23 de maio

  • O último filme exibido será “Filhos de João – O admirável mundo novo baiano”, às 19h30, com classificação indicativa de 14 anos.

Serviço

O evento gratuito será realizado no Auditório do Sesi-SP, em Presidente Prudente, localizado na Avenida Ibrain Nobre, nº 585, no Parque Furquim.

Os ingressos deverão ser reservados pela plataforma “Meu Sesi”.

+ sobre o tema

Jay-Z cria coleção para Barney’s

As cores da cidade de Nova York ao anoitecer...

Pílula de cultura encerra semana da consciência negra

Festa PÉ NA AFRICA fecha a Semana da Consciência...

Objetos da mansão onde Michael Jackson morreu vão a leilão

Objetos que estavam na mansão onde Michael Jackson morreu...

para lembrar

É difícil não se emocionar com este vídeo dos bastidores de ‘A Rainha de Katwe’

Já falamos aqui no HuffPost Brasil que estamos ansiosos...

Não deixe a sua cor passar em branco – o que esperar para o Censo de 2010

  "Afastada a questão de desigualdade, resta na transformação biológica...

Zé Roberto diz que salários do futebol no Brasil são exagerados

Veterano de duas Copas do Mundo e consagrado como...
spot_imgspot_img

‘Está começando a segunda parte do inferno’, diz líder quilombola do RS

"Está começando a segunda parte do inferno", com esta frase, Jamaica Machado, líder do Quilombo dos Machado, de Porto Alegre, resumiu, com certo desânimo, a nova...

iAMO lança seu programa de residência artística audiovisual durante Festival de Cannes

O Instituto Audiovisual Mulheres de Odun (iAMO), presidido pela cineasta Viviane Ferreira, anuncia na sexta-feira, 17 de maio, o lançamento do seu Programa de...

Carnaval 2025: nove das 12 escolas do Grupo Especial vão levar enredos afro para a Avenida

Em 2025, a Marquês de Sapucaí, com suas luzes e cores, será palco de um verdadeiro aquilombamento, termo que hoje define o movimento de...
-+=