Racismo leva árbitro a suspender partida

Rentería, atacante do San Marcos, comemorou gol, e os torcedores do Iquique começaram a xingá-lo

 

No Planeta Esporte 

 

Sede da Copa América de 2015, o Chile registrou neste domingo (23) mais um caso de racismo no continente, quando ofensas contra o venezuelano Emilio Rentería levaram o árbitro a suspender o duelo entre San Marcos de Arica e Iquique.

Rentería, atacante do San Marcos, acabava de comemorar um gol marcado aos dois minutos do segundo tempo, quando os torcedores do Iquique começaram a gritar insultos racistas.

Visivelmente afetado, o atleta começou a chorar no meio do gramado, enquanto companheiros de equipes e jogadores do time adversário tentavam confortá-lo.

Apesar disso, a partida continuou até os 26 minutos, quando a torcida rival voltou a ofender o atleta, o que motivou a decisão do juiz Julio Bascuñán de suspender o jogo.

O venezuelano já havia sido vítima de racismo há duas semanas, quando foi chamado de “macaco” e “negro de merda” por torcedores do O’Higgins.

Na ocasião, o governo chileno tinha afirmado que queria “deixar um recado claro” para que atos como esse não se repitam, mas o episódio lamentável deste sábado mostra que as medidas não foram suficientes.

Os casos de racismo vêm se multiplicando no futebol sul-americano. No Brasil, houve vários incidentes nos últimos meses, o de maior repercussão envolvendo o goleiro Aranha, do Santos, ofendido por torcedores do Grêmio.

Na Argentina, o atacante Teófilo Guttiérez, maior destaque do River Plate, foi chamado de “negro de merda” por um radialista e, no Peru, o brasileiro Tinga ouviu vários gritos de “macaco”, quando jogava com o Cruzeiro contra o Real Garcilaso.

+ sobre o tema

Ministério da Igualdade Racial lidera ações do governo brasileiro no Fórum Permanente de Afrodescendentes da ONU

Ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, está na 3a sessão do...

Crianças do Complexo da Maré relatam violência policial

“Um dia deu correria durante uma festa, minha amiga...

Concurso unificado: saiba o que o candidato pode e não pode levar

A 20 dias da realização do Concurso Público Nacional...

Estudo mostra que escolas com mais alunos negros têm piores estruturas

As escolas públicas de educação básica com alunos majoritariamente...

para lembrar

Polícia investiga caso de racismo contra professor

  Professor de História registrou boletim de ocorrência...

A certeza da impunidade: O racismo tem cara e endereço eletrônico

A gente precisa conversar sério sobre racismo com a...

Homem é preso por suposta atitude racista em Uberlândia

Segundo síndico do prédio, essa mesma atitude racista já...

Como não criar filhos racistas

Se o seu maior medo é ter um filho...
spot_imgspot_img

Aos ‘parças’, tudo

Daniel Alves da Silva, 40 anos, 126 partidas pela Seleção Brasileira, 42 títulos, duas vezes campeão da Copa América e da Copa das Confederações,...

Mbappé comunica ao PSG que vai sair do clube ao fim do contrato

Mbappé comunicou à diretoria do Paris Saint-Germain que vai deixar o clube ao fim do contrato, o qual se encerra em junho. A informação foi dada...

Costa do Marfim venceu o CAN 2024

Já é conhecido o vencedor da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações de futebol: a Costa do Marfim. Primeira parte: vantagem Nigéria A selecção nigeriana, que tinha...
-+=